Bem-Estar

Você Conhece o Óleo Essencial de Copaíba?

A copaíba é uma árvore da família das Caesalpiniaceae, nativa da América do Sul. De seu tronco é extraído uma resina que, após passar por processos como o de destilação, resulta no óleo essencial de copaíba.

O Brasil é o principal país exportador, e só a região amazônica produz todo ano cerca de 500 toneladas por ano, que vão para diversos países do mundo. Ele já era usado pelas populações locais, mas tem ficado cada vez mais conhecido.

Propriedades do óleo essencial de copaíba

O óleo essencial de copaíba é conhecido por suas propriedades anti-inflamatória, anticâncer, antisséptica e anti-hemorrágica.

Por conta disso, costuma ser utilizado tanto para cicatrização e desinfecção de feridas quanto para tratamentos de problemas cutâneos como psoríase, dermatoses, eczemas e urticária.

Também há indicações para usos no couro cabeludo, como no combate de caspa, e para o fortalecimento dos cabelos. Embora possa ser topicamente aplicado sem diluição, é recomendável diluí-lo para evitar irritação nos locais.

Na aromaterapia, o óleo de copaíba é geralmente usado para promover sensação de relaxamento e de equilíbrio emocional. Também possui propriedades expectorantes, auxiliando em problemas respiratórios que vão da asma às inflamações dessas vias.

Cuidados com o óleo essencial de copaíba

Adquira sempre este e outros óleos essenciais em locais especializados, que certamente lhe oferecerão um produto de qualidade com indicações corretas de uso.

Lembre-se ainda de sempre conversar com o seu médico antes de qualquer decisão, e de nunca substituir ou parar por conta própria tratamentos que já estiver fazendo. Isso vale inclusive para os produtos naturais, como é o caso dos óleos essenciais.

Seja responsável e sua saúde só terá a ganhar!

Referências bibliográficas:

  • Veiga VF Jr, Zunino L, Calixto JB, Patitucci ML, Pinto AC. “Phytochemical and antioedematogenic studies of commercial copaiba oils available in Brazil”. Phytother Res. 15: 476–80.
  • Gomes NM, Rezende CM, Fontes SP, Matheus ME, Fernandes PD. “Antinociceptive activity of Amazonian Copaiba oils”. J Ethnopharmacol. 109: 486–92.
  • Tsuboy MS, Marcarini JC, Luiz RC, Barros IB, Ferreira DT, Ribeiro LR, Mantovani MS. “In vitro evaluation of the genotoxic activity and apoptosis induction of the extracts of roots and leaves from the medicinal plant Coccoloba mollis (Polygonaceae)”. J Med Food. 13: 503–8.
  • https://www.drrondo.com/oleos-essenciais/
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

1 Comment

  1. Olá Dr Rondó, sou Cristian Arantes, fisioterapeuta e aromaterapeuta clínico! Muito bom ver um médico dando importância para óleos essenciais no Brasil. Gostaria ainda de ressaltar que a Copaiba é uma das melhores armas para dores crônicas e agudas, pois possui afinidade com receptores canabinóides.
    Eu utilizo a Copaiba em uma formulação que desenvolvi para dores, junto ao óleo vegetal também de copaíba e outros óleos sinérgicos.
    Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *