Telômeros mais Longos: a Melhor Herança para o seu Bebê

Se você me acompanha por aqui, já deve saber o que são os telômeros. De qualquer forma, antes de entender melhor a boa notícia de hoje, vamos rememorar…

Os telômeros são estruturas que ficam nas extremidades dos cromossomos. Sua função é evitar o desgaste do material genético.

As pesquisas mais recentes vêm comprovando que na medida em que ocorrem as divisões celulares, comuns no nosso envelhecimento, os telômeros ficam mais curtos.

Assim, boa parte dos esforços antienvelhecimento devem focar em evitar o encurtamento excessivo dos telômeros. Quanto mais longos conseguimos mantê-los, menos sentimos os efeitos do passar dos anos.

Se você quer saber como minimizar esse encurtamento dos telômeros e manter-se mais jovem, é só me acompanhar até o final deste texto. Mas antes, tenho a boa notícia que comentei…

E ela tem a ver com algo incrível que você pode fazer pelos seus filhos. É uma herança melhor que qualquer outra que possamos imaginar… Pois se trata de mais saúde e jovialidade! Veja…

Como garantir telômeros mais longos para seu bebê

Os problemas causados pelo estresse já são de amplo conhecimento de todos. No caso dos telômeros, eles se expressam pela menor ativação da telomerase, enzimas que fazem seus telômeros crescerem.

Agora, o que uma nova pesquisa mostra é que o estado mental das mães influencia nos telômeros dos bebês.

O estudo, publicado no American Journal of Psychiatry, concluiu que mães que tem mais resiliência psicológica durante a gravidez, controlando seus níveis de estresse, geram crianças com telômeros mais longos.

A descoberta foi feita após a análise de 650 mães e seus bebês.

Primeira, elas passaram por avaliações psicológicas que determinaram seus níveis de estresse.

Depois que os bebês nasceram, os pesquisadores analisaram os comprimentos dos telômeros presentes nas células sanguíneas do cordão umbilical.

A Dra. Sonja Entringer, que trabalhou com uma equipe da Universidade da Califórnia para a pesquisa, é clara ao afirmar:

“As características psicológicas maternas positivas são biologicamente incorporadas e têm um efeito protetor sobre o feto.

Este estudo destaca a importância do bem-estar psicológico materno durante a gravidez em termos de programação de desenvolvimento de saúde e doença ao longo da vida, e a importância de medidas de apoio psicossocial melhoradas durante a gravidez”.

Otimizando seus telômeros

Então, se você vai ser mamãe, lembre-se que o controle de estresse é fundamental para a saúde do seu filho ou filha. Seu estado mental faz toda a diferença!

Mas não são só as gestantes que devem ser preocupar. Como comentei, todas as pessoas devem cuidar de seus telômeros.

Quanto mais evitamos seu encurtamento, mais jovens e saudáveis ficamos! Veja como fazer isso:

Vitamina C

As pesquisas mostram que a vitamina C, que tem efeito antioxidante, pode reduzir o encurtamento dos telômeros em mais de 50%.

Resveratrol

Presente no vinho tinto, promove aumento de produção de telomerase, enzima que “reconstrói” o seu telômero. O resveratrol é encontrado principalmente no vinho tinto feito com uvas Pinot Noir. Saiba mais sobre o resveratrol clicando aqui.

Meditação

A meditação reduz o estresse e também ajuda na ativação da telomerase. Clique aqui para conferir algumas formas de se meditar e exercitar que podem lhe ajudar neste e em outros aspectos da sua saúde.

Consumo de vegetais sortidos

As pessoas que consomem vegetais variados promovem aumento dos telômeros. Isso vale tanto para os vegetais com betacaroteno quanto para os verdes escuros.

Pode-se também incluir alimentos como spirulina e clorella, que são fantásticas para a saúde. Uma dica: bata tudo em um saboroso smoothie verde. Clique aqui para conhecer as melhores receitas.

Redução de homocisteína

A hemocisteína é um aminoácido que aumenta o risco de doenças e triplica a velocidade de encurtamento dos seus telômeros.

Os valores ideais são em torno de 7. Algumas vitaminas podem ajudar nessa redução, como vitamina B12, ácido fólico e vitamina B6.

Referências bibliográficas:

  • O segredo antienvelhecimento: cuide dos seus telômeros e mitocôndriaswww.DrRondo.com
  • Verner, G., Epel, E., Lahti-Pulkkinen, M., Kajantie, E., Buss, C., Lin, J., … & Entringer, S. (2020). Maternal psychological resilience during pregnancy and newborn telomere length: a prospective study. American Journal of Psychiatry, appi-ajp.
  • Ann N Y AcadSci, 1998;854:214-23
  • Altern Med Rev. 1998;3(2):114-27
  • Phytomedicine. 2000;7(2):85-9
  • Clinical Chemistry, 2001, 47: 12, 2150-2153
  • Bull ExpBiol Med. 2003;136(6):585-7.
  • Int J Sport NutrExercMetab. 2004;14(3):298-307.
  • Altern Med Rev. 2005; 10(4):268-93
  • Cerebellum. 2007;6(4):308-14
  • MolNutr Food Res. 2008;52(7):780-8.
  • Antioxid Redox Signal.2009; 11(11): 2685–2700
  • J Gerontol A BiolSci Med Sci. 2014;69(7):821-30
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link