Receitas

✽Receita Cetogênica 95✽ Coxinhas de Frango com Chalota e Mostarda

Uma receita simples com um tempero maravilhoso. Quer algo melhor que isso? Como sempre, aconselho que você use carne de frangos que são criados soltos, com uma alimentação natural.

Ingredientes:

  • 800g de coxinhas de frango
  • 1/4 colher de chá de sal
  • 1/4 colher de chá de pimenta preta moída na hora
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 3 colheres de sopa de chalotas picadas
  • 2 ramos de tomilho frescos
  • 1 colher de sopa de vinagre balsâmico
  • 1/4 xícara de vinho branco seco
  • 1 colher de chá de molho Worcestershire
  • 1/2 xícara de caldo de galinha
  • 2 colheres de chá de extrato de tomate
  • 1/2 xícara de creme de leite
  • 1 colher de sopa de mostarda Dijon
  • 2 colheres de sopa de salsinhas picadas bem finas

Modo de preparo:

  1. Tempere as coxinhas com sal e pimenta e reserve.
  2. Em uma frigideira grande em fogo médio-alto, derreta a manteiga. Adicione as coxinhas, com a pele para baixo. Cozinhe por 6 a 7 minutos, até dourar. Vire e cozinhe por mais 2 minutos. Vire novamente para o lado não cozido remanescente. Cozinhe por 3 a 4 minutos a mais. Com um termômetro de carne, verifique a temperatura. O frango deve atingir 75 ° C antes de ser removido da frigideira.
  3. Transfira o frango para um prato.
  4. À manteiga restante na frigideira, adicione as chalotas e o tomilho. Cozinhe por 1 minuto, até as ficarem macias.
  5. Adicione o vinagre, o vinho branco e o molho Worcestershire. Coloque a mistura para ferver.
  6. Misture o caldo de galinha. Retorne a mistura para ferver.
  7. Adicione o extrato de tomate. Mexa para combinar. Cozinhe por 5 a 6 minutos, ou até reduzir pela metade.
  8. Uma vez reduzido, adicione o creme de leite e a mostarda. Você terá cerca de 1 xícara de molho.
  9. Coloque o molho sobre as coxinhas. Deixe descansar por 2 minutos.
  10. Decore com a salsa picada e sirva.

Esta receita tem:

  • 420 calorias
  • 21,4g de gorduras
  • 48,3g de proteínas
  • 3,3g de carboidratos

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *