Bem-Estar

Pessoas com Senso de “Unidade” têm mais Bem-estar

Você acredita em algum tipo de unidade ou conhece alguém que compartilha dessa ideia? Estou falando da noção de que tudo está interconectado e interdependente de alguma forma, algo que pode ou não estar relacionado a alguma fé religiosa específica.

Uma pesquisa alemã aplicou testes a mais de 120 mil pessoas para medir sua crença em qualquer tipo de unidade. Eles precisaram responder reagir a frases como “acredito que tudo no mundo está baseado em um princípio comum” ou “tudo no mundo é influenciado e interdependente”.

Os pesquisados também foram solicitados a responder a itens que medem outros conceitos associados à unidade, como a conexão social, conexão com a natureza, empatia e satisfação com a vida.

Segundo a Dra. Laura Marie Edinger-Schons, PhD da Universidade de Mannheim e autora do estudo, pessoas com maiores pontuações de crença em algum tipo de unidade também afirmavam ter maior satisfação de vida do que as outras.

Para ela, trata-se não apenas de um estado de humor, mas de uma forma de encarar a vida e seus desafios:

“A sensação de estar em harmonia com um princípio divino, a vida, o mundo, outras pessoas ou mesmo atividades tem sido discutida em várias tradições religiosas, mas também em uma ampla variedade de pesquisas científicas de diferentes disciplinas. Os resultados deste estudo revelam um efeito positivo significativo das crenças da unicidade sobre a satisfação com a vida, mesmo controlando as crenças religiosas”.

Atitude positiva, benefícios positivos!

Essa pesquisa especificamente trata de uma forma de ter maior satisfação e bem-estar. E como você deve saber, isso gera reflexos positivos na sua saúde. Seja crendo em algum tipo de unidade ou não, atitudes positivas fazem a diferença.

Outras pesquisas mostram resultados parecidos com relação a certos sentimentos. A gratidão, por exemplo, é comprovadamente uma fonte de bem-estar, humor e prazer. Como consequência, ela pode reduzir o estresse e a pressão arterial, inflamações, dores e melhorar sua imunidade!

Atitudes motivadas por boas intenções têm resultados positivos. Estudos mostram que, quando você ajuda alguém, diminui a atividade na amígdala cerebral, ligada a respostas de medo e estresse. Um estímulo totalmente saudável para seu cérebro.

Portanto, independente daquilo em que você acredita, que tal cultivar pensamentos e atitudes positivas? Cada vez mais as pesquisas mostram o quanto isso é importante para uma Supersaúde!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *