Pesquisa Coloca Prática Milenar na Linha de Frente contra a Ansiedade

O transtorno de ansiedade já se tornou praticamente um problema de saúde pública, afetando milhões de pessoas mundo afora. Só no Brasil, os dados da Organização Mundial da Saúde dão conta que 18,6 milhões de pessoas tem o transtorno.

Significa que mais 9,3% da população enfrenta a ansiedade. Nos Estados Unidos, por exemplo, são cerca de 6,8 milhões. Dados como esses colocam o Brasil com o preocupante título de “país mais ansioso do mundo”.

E isso do ano passado, quando ainda não havia pandemia ou isolamento social. Estes tempos atípicos pioraram a situação mental de muita gente.

Um questionário on-line aplicado em todo país pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), neste ano de 2020, apontou que os casos de ansiedade e estresse aumentaram em 80%. Já os de depressão simplesmente dobraram.

Os pesquisadores apontam que muito disso foi de fato causado pelas mudanças. Piora da qualidade alimentar, sedentarismo, redução de acompanhamento psicológico e mesmo a sensação de estar isolado dentro de casa colaboraram para o quadro.

Será que nisso tudo não conseguimos encontrar uma notícia boa? Alguma forma mais simples e acessível de lutar contra a ansiedade? Uma pesquisa publicada recentemente tem uma resposta interessante nesse sentido…

Uma ajuda milenar contra a ansiedade

Pesquisadores da universidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos, avaliaram mais de 226 pessoas com transtorno de ansiedade generalizada. Elas foram divididas em 3 grupos.

O primeiro um fez a terapia cognitivo-comportamental (TCC), considerada o tratamento padrão para a ansiedade. Outro grupo recebeu apenas orientações sobre gerenciamento de estresse, sendo considerado o grupo controle. Por fim, uma parte dos voluntários praticou a terapia milenar da qual estamos falando…

Os resultados surpreenderam. Como era de se esperar, a TCC foi a mais eficaz. 71% dos participantes relataram melhoras após 6 meses de tratamento. Em segundo lugar, mas também com bons resultados, ficou o grupo dessa prática antiga e benéfica.

Já a mencionei por aqui anteriormente. E se você chutou que estamos falando da yoga, acertou! Um dos grupos praticou yoga como tratamento da ansiedade, e desses, 54% relataram melhoras em comparação com o grupo de gerenciamento de estresse!

Segundo a Dra. Naomi M. Simon, professora do Departamento de Psiquiatria da NYU Langone Health e uma das autoras do estudo, o fato da yoga combater a ansiedade é uma ótima notícia, já que a prática é amplamente disponível. Além disso, tem vários outros benefícios para a saúde.

Como nem todos têm acesso imediato a terapias como a TCC, vale a pena dar uma chance à yoga para ajudar nos sintomas, ela comenta. O estudo mostra que, pelo menos a curto prazo, os resultados são notáveis.

Fazendo em casa

Nesses tempos de pandemia e isolamento social, você pode começar até mesmo a praticar em casa. Não será difícil encontrar algumas orientações, ao menos iniciais, em vídeos na internet. Também já comentei sobre várias outras pesquisas que mostram outros benefícios da yoga. Você pode vê-los aqui.

Outra boa opção é a meditação, que é ainda mais simples e fácil. Ela já ajuda bastante em episódios de ansiedade. Em outro artigo eu dei um passo a passo simples para iniciar. Clique aqui para conferir.

Por fim, lembre-se que ficar ansioso em alguns momentos é normal. Essa condição só é considerada um transtorno quando prejudica o seu dia a dia. Mesmo assim, se é o seu caso, vale a pena tentar tratamentos como esses, que não usam drogas químicas. Eles são um caminho mais natural e saudável para uma Supersaúde!

Referências bibliográficas:

  • Como a meditação protege o seu coraçãowww.DrRondo.com
  • Naomi M. Simon, Stefan G. Hofmann, David Rosenfield et al. Efficacy of Yoga vs Cognitive Behavioral Therapy vs Stress Education for the Treatment of Generalized Anxiety DisorderA Randomized Clinical Trial. JAMA Psychiatry, 2020 DOI: 10.1001/jamapsychiatry.2020.2496
  • NYU Langone Health / NYU School of Medicine. “Yoga shown to improve anxiety, study shows.” ScienceDaily. ScienceDaily, 12 August 2020.
  • Brasil é o país mais ansioso do mundo, diz a OMS – Estadão, 05 jul. 2019.
  • Casos de estresse, ansiedade e depressão disparam em meio à pandemia – Estado de Minas, 13 mai. 2020.
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link