Óleo Essencial de Palmarosa: Um dos Melhores Óleos para a Pele!

Certamente você já ouviu de muitos óleos essenciais comuns. Mas será que conhece o óleo essencial de palmarosa? Trata-se do óleo extraído da planta Cymbopogon martinii, uma espécie de capim muito semelhante ao capim-limão.

Porém, seu aroma é um pouco diferente. Apesar das semelhanças entre os dois vegetais, o cheiro do óleo essencial de palamrosa se assemelha mais ao das rosas. Isso ocorre por causa do seu princípio ativo, o geraniol.

Conta-se que esse óleo era muitas vezes misturado por mercadores antigos ao de rosas, que é mais caro, ou até mesmo vendido como se fosse o óleo essencial de rosas por comerciantes pouco honestos. Seja como for, o óleo essencial de palmarosa por si só reúne benefícios interessantes, que você conhece agora.

Óleo essencial de palmarosa na aromaterapia

Na aromaterapia, este óleo essencial é conhecido por sua propriedade calmante e estimulante da sensibilidade. Dispersar seu aroma nos ambientes pode reduzir a insegurança e até os medos em algumas pessoas.

É interessante notar que uma pesquisa de 2012, feita com ratos, mostrou que o óleo essencial de palmarosa teve um efeito neuroprotetor. Segundo a pesquisa, o óleo demonstrou proteção contra estresse oxidativo, sugerindo uma possível ação protetora de doenças cerebrovasculares.

Há ainda relatos de um potencial levemente afrodisíaco, especialmente por ajudar a relaxar aquelas pessoas mais tensas. De qualquer forma, seu aroma semelhante ao de rosas pode de fato ser uma boa pedida para aquele momento especial a dois!

Antimicrobiano e antisséptico

Assim como muitos dos óleos essenciais que já mencionei por aqui, o óleo essencial de palmarosa tem propriedades antissépticas, combatendo micro-organismos nocivos.

Pesquisas já demonstraram que ele é fantástico para exterminar bactérias perigosas, como Escherichia coli, Saccharomyces cerevisiae e Staphylococcus aureus.

Por conta dessa atividade, o óleo essencial é tradicionalmente usado para o tratamento de feridas, impedindo que elas infeccionem. Esses efeitos são decorrentes das grandes quantidades de geraniol, conforme comentei mais acima.

Para a pele

Como se não bastasse tudo o que já falamos até agora, há ainda mais benefícios nesse óleo essencial. Aliás, é agora que vou listar os principais… E a maior parte deles está relacionada à pele.

O óleo essencial de palmarosa é reconhecido por sua boa atuação como hidratante. É por isso que costuma ser tão indicado para uso cutâneo. Por hidratar e ter ação antisséptica, ele pode ajudar a controlar a oleosidade da pele, combatendo tanto a acne quando o ressecamento excessivo.

Além disso, ajuda no tratamento de estrias, processos de cicatrização de feridas e dermatites, sempre mantendo a pele bem hidratada e bonita. Por fim, pode atuar amenizando manchas cutâneas, sendo muito procurado por conta desse benefício.

Cuidados no uso do óleo essencial de palmarosa

É sempre bom lembrar que os conteúdos aqui listados são apenas para lhe informar, não caracterizando indicações diretas de uso. Antes de qualquer decisão, é importante que você converse com um médico habituado a esse tipo de tratamento natural. Ele poderá lhe ajudar tirando dúvidas e indicando as melhores formas de uso para o seu caso.

Tenha atenção também na hora de adquirir o seu óleo essencial, para ter certeza de estar levando pra casa um produto de qualidade. Dessa forma, poderá obter todos os benefícios sem trazer qualquer risco para a sua saúde. Aproveite o poder da natureza a seu favor!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link