Não Deixe estes Rótulos te Enganarem!

Deixe eu te fazer 2 perguntas…

A primeira…

Você compra aqueles alimentos industrializados para crianças e bebês?

Sim, mesmo aqueles que dizem na embalagem ser “saudáveis” ou conterem “vegetais”…

Agora, a segunda…

Você acredita mesmo no que diz a embalagem sobre esses ingredientes?

Não estou dizendo que eles estão mentindo pra você…

Mas pelo menos, manipulando as informações para influenciar a sua compra.

O problema é que estamos falando de bebês e crianças pequenas. E nessa fase, hábitos alimentareis ruins podem ter influências para o resto da vida!

Então, quer saber como a indústria alimentícia de produtos infantis acaba vendendo “gato por lebre”? Veja…

Problemas nos rótulos

Em um estudo realizado nos Estados Unidos, os pesquisadores avaliaram várias marcas de alimentos industrializados infantis.

Eles criaram um banco de dados de 500 produtos que continham vegetais (frutas, legumes ou verduras) em sua composição.

Além disso, observaram aqueles que traziam os vegetais no nome do próprio alimento. É aí que encontraram o X da questão.

Como eu disse, não tinha nenhuma mentira. Todos os ingredientes citados realmente existiam nos produtos.

Mas…

O vegetal que estava no nome do alimento, geralmente existia em quantidades muito menores do que você poderia esperar.

Explicando melhor…

Em um produto chamado “Papinha de Espinafre” (apenas um exemplo inventado), o espinafre poderia constar como um dos últimos ingredientes – ou seja, de espinafre mesmo havia muito pouco!

Muitos produtos tinham vegetais verde-escuros no nome, mas checando a lista de ingredientes, você veria que o principal eram extratos concentrados de frutas.

O que no fim das contas é praticamente só açúcar!

“Sucos de frutas e concentrados de sucos de frutas foram encontrados em quase todos os produtos alimentícios que examinamos, mas muitas vezes foram excluídos dos nomes dos produtos, presumivelmente para evitar chamar a atenção para o uso de concentrados de sucos como adoçantes”, comenta Mackenzie Ferrante, uma das autoras da pesquisa.

O que fazer diante disso?

É simples. Primeiro, tenha atenção!

Como já comentei por aqui, os rótulos às vezes tentam esconder os problemas.

Pesquisas anteriores já demonstraram que colocar mais informações na frente dos pacotes de alimentos fez com que os consumidores escolhessem melhor, e até forçou a indústria a produzir comida mais saudável.

Mas essa ainda não é uma realidade por aqui e é preciso cuidado.

Quando você olha a lista de ingredientes de um produto, eles aparecem em ordem do mais para o menos presente.

Ou seja, quanto mais no topo da lista, maior a concentração e vice-versa.

Portanto, não olhe só o nome da frente do pacote. Leia os ingredientes.

Assim você vai saber se a “papinha de espinafre” realmente tem o espinafre como ingrediente principal.

Mas tudo isso é se você for comprar comida industrializada para os seus filhos, o que eu aconselho NÃO fazer.

Se você quer oferecer uma alimentação saudável de verdade para crianças pequenas, compre os vegetais (de preferência orgânicos) e faça a comida em casa.

É fácil e você não expõe os pequenos a diversos riscos. Dentre eles, consumir açúcares, conservantes, corantes e outros químicos.

Vamos cuidar de nossas crianças!

Supersaúde!

Referências bibliográficas:

  • Infant and toddler food product names may not accurately reflect ingredient amounts. Eurekalert, 17 dez. 2021.
  • Ferrante, Mackenzie J., et al. “Examining Front-of-Package Product Names and Ingredient Lists of Infant and Toddler Food Containing Vegetables.” Journal of Nutrition Education and Behavior 53.2 (2021): 96-102.
  • Joon Ho Lim, Rishika Rishika, Ramkumar Janakiraman, P.K. Kannan. Competitive Effects of Front-of-Package Nutrition Labeling Adoption on Nutritional Quality: Evidence from Facts Up Front–Style Labels. Journal of Marketing, 2020; 002224292094256 DOI: 10.1177/0022242920942563.
  • North Carolina State University. “‘Front of package’ nutrition labels improved nutrition quality.” ScienceDaily. ScienceDaily, 21 September 2020.
  • É isto que os Ultraprocessados estão Fazendo com o seu Coração – www.DrRondo.com
  • Um Pouco mais de Informação Pode nos Ajudar contra as Doenças do Mundo Moderno – www.DrRondo.com
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *






















                           Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link