Alimentação

Kimchi: o Superalimento Coreano que Turbina sua Ecologia Intestinal

Deixa eu lhe fazer uma pergunta importante… Você já ouviu falar do kimchi? Não? Olha, então está passando da hora de conhecer! Trata-se de um alimento típico da península coreana, muito consumido por lá. Para se ter uma ideia, 95% dos habitantes da Coreia do Sul o consomem todos os dias!

Ele passou a ser mais conhecido no ocidente a partir de 1988, por causa das Olimpíadas de Seul, na Coreia do Sul. Os atletas olímpicos e visitantes passaram a conhecer um pouco mais do prato típico, surpreendendo-se com seu sabor. O que eles também descobriram posteriormente é que ele é incrível para uma boa saúde!

Do que é feito o kimchi?

As potencialidades de saúde do kimchi estão diretamente ligadas ao modo como é produzido. Trata-se de vegetais fermentados – geralmente, repolho – em bactérias do ácido lático, benéficas para nosso trato intestinal. Depois disso, são temperados com pimenta vermelha coreana.

Curiosamente, esse método surgiu por outro tipo de necessidade: preservar o repolho para que durasse todo o inverno. Mal sabiam os antigos coreanos que, junto com isso, estavam criando um alimento altamente probiótico e benéfico!

Turbinando sua ecologia intestinal e sua saúde

Com a crescente consciência das pessoas pela busca de uma alimentação mais saudável e livre de produtos ultraprocessados, têm crescido a procura de alimentos como esse também no ocidente. O kimchi feito com repolho já é uma ótima pedida pelas vitaminas A, B, C e K presentes no vegetal…

Além disso, a pimenta vermelha, por ser rica em capsaicina, promove efeitos positivos na saúde gastrointestinal, cardiovascular, no emagrecimento e proteção contra o câncer. Mas é nas bactérias boas que está o pulo do gato…

Quando você consome alimentos fermentados, como o kimchi, melhora sua ecologia intestinal. A lista de benefícios por conta disso é enorme, mas podemos resumir algumas das principais como:

  • Melhora dos níveis de açúcar no sangue
  • Proteção contra doenças cardiovasculares e problemas como derrame e ataque cardíaco
  • Proteção contra doenças neurodegenerativas, como Parkinson e Alzheimer
  • Controle de peso e redução da gordura corporal / visceral
  • Melhoras na pele, como redução de acne, caspas e outros problemas relacionados

Para saber de forma mais detalhada sobre a importância de manter uma boa ecologia intestinal, sugiro que confira os outros artigos do site. Basta clicar aqui e conferir. Agora, que tal experimentar o milenar kimchi? Eis mais uma dica alimentar para uma Supersaúde!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *