Na hora do check-up, pense em mais saúde

Com a proximidade do final do ano, quem passou dos 40 já se prepara para um check-up. Ótimo que exista a preocupação com a prevenção. Mas os pacientes precisam saber que os exames comuns não bastam. Embora não se possa dizer que sejam obsoletos, eles sozinhos não detectam riscos decorrentes de desequilíbrios moleculares já existentes, mas que ainda não causaram nenhum efeito sensível em órgãos. Ao contrário, os exames que compõem o check-up molecular, além da investigação tradicional, captam até mudanças sutis, que possam gerar problemas no futuro. Outra vantagem é o custo: de duas a três vezes menor do que o tradicional.

No check-up molecular, alguns exames são feitos na própria clínica e demoram cerca de uma hora, com resultados instantâneos. Confira, a seguir, a relação de exames que o compõem. Para agendar ou obter detalhes, ligue (11) 3167-0128.

EXAMES DE SANGUE

Insulina, glicemia, homocisteína, ferritina, proteína C reativa, PSA total e livre (homens), estrógeno/progesterona

LIPOPEROXIDAÇÃO

Vitaminas C, D e E, beta-caroteno, licopeno, CoQ10

EXAMES CLÍNICOS

Perfil de estresse oxidativo, dosagem completa de vitaminas/minerais/aminoácidos, ácidos graxos essenciais, terreno biológico (oxidação, resistividade, equilíbrio ácido-básico), ecologia intestinal, alergias (ambiental e alimentar)

OUTROS

Ultrassonografia doppler arterial e venosa de MMII, MMSS e carótidas

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link