Grávidas que Fazem Exercícios Geram Pessoas mais Saudáveis o Futuro

As descobertas recentes da epigenética vem mostrando dados preocupantes.

Segundo estudos, hoje se sabe que muitas das doenças crônicas que as pessoas enfrentam no dia a dia podem ter se originado quando elas ainda estavam na barriga das mães.

O que ocorre é que as condições de saúde dos pais, até mesmo antes da gravidez, podem levar a modificações químicas nos genes durante a gestação.

São essas alterações que levam à predisposição a problemas de saúde comuns hoje em dia, como a diabetes, por exemplo.

Sabendo disso, pesquisadores da University of Virginia Health System fizeram um estudo com ratos de laboratório e chegaram a um resultado surpreendente.

Eles alimentarem os animais com uma dieta rica em carboidratos e gorduras ruins, para simular a obesidade – antes que eles acasalassem.

Depois, quando as ratinhas já estavam esperando filhotes, uma parte delas teve acesso a atividade física, enquanto um segundo grupo permaneceu sedentário.

Os resultados mostraram que tanto as mães quanto os pais que se alimentaram mal, podiam predispor seus filhos a distúrbios metabólicos (como a diabetes).

Mas no caso das ratas que não faziam atividade física, o risco de os filhotes desenvolverem níveis elevados de açúcar no sangue quando adultos era maior.

Ou seja…

O exercício materno apenas durante a gravidez evitou uma série de mudanças “epigenéticas” que afetam o funcionamento dos genes dos filhotes.

Os exercícios bloquearam completamente os efeitos negativos da obesidade da mãe ou do pai sobre os filhos!

“A mensagem para levar para casa é que não é tarde demais para começar a fazer exercícios se a mãe ficar grávida. O exercício regular não só beneficiará a gravidez e o parto, mas também a saúde do bebê a longo prazo”, comenta o pesquisador Zhen Yan, PhD, especialista em exercícios da University of Virginia School of Medicine.

Então, a dica é simples: fazer atividade física durante a gravidez pode ajudar na saúde do seu bebê. Até mesmo que ele ou ela se tornarem adultos!

Outras dicas importantes durante a gravidez

Além dos exercícios, as futuras mamães devem ficar de olho em outros hábitos (alimentares ou não) durante a gravidez.

Veja algumas informações que vale a pena levar em consideração:

1 – Consumo de açúcar

Em um estudo, também feito em animais, mostrou-se que ratas que consumiam açúcar durante a gestação tiveram filhotes com hormônios desregulados.

E os pesquisadores acreditam que isso possa também ocorrer em humanos.

2 – Estresse

Outra pesquisa concluiu que mães com estresse físico, com pressão arterial e ingestão calórica mais altas, eram mais propensas a dar à luz a bebês prematuros.

Além disso, o estresse psicológico pode deixá-las mais propensas a complicações no nascimento das crianças.

3 – Nenhum drink!

Provavelmente você sabe que não deve beber enquanto está grávida, mas muita gente ainda insiste que “um pequeno drink só” não faria mal…

Errado!

Outro estudo, feito com animais, mostrou que mesmo baixíssimas concentrações de álcool podem levar a mudanças nos níveis de insulina do feto.

Então, nessa fase, tenha cuidado e siga as orientações médicas!

Mantenha atividade física com acompanhamento, alimente-se de forma saudável e busque tranquilidade nos seus dias.

Tudo isso vai trazer para você e seu bebê uma Supersaúde!

Referências bibliográficas:

  • Rhianna C. Laker, Ali Altıntaş, Travis S. Lillard, Mei Zhang, Jessica J. Connelly, Olivia L. Sabik, Suna Onengut, Stephen S. Rich, Charles R. Farber, Romain Barrès, Zhen Yan. Exercise during pregnancy mitigates negative effects of parental obesity on metabolic function in adult mouse offspring. Journal of Applied Physiology, 2021; 130 (3): 605 DOI: 10.1152/japplphysiol.00641.2020.
  • University of Virginia Health System. “Exercise during pregnancy may save kids from health problems as adults: Parental obesity predisposes children to develop diabetes, metabolic issues.” ScienceDaily. ScienceDaily, 15 March 2021.
  • J Physiol. Accepted Author Manuscript. doi:10.1113/JP278531.
  • Catherine Monk et al. Maternal prenatal stress phenotypes associate with fetal neurodevelopment and birth outcomes. Proceedings of the National Academy of Sciences Oct 2019, 201905890.
  • É isto o que o Estresse Durante a Gravidez pode Causar ao seu Bebêwww.DrRondo.com
  • Açúcar Durante a Gravidez? É Isto o que Acontece!www.DrRondo.com
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *






















                           Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link