Saúde

Detox de Toxinas Escondidas no Vinho

O grande motivador de se consumir vinho tinto é a presença,em especial, de resveratrol, que fornece poderosas qualidades antienvelhecimento. Além disso, colabora na prevenção de doenças cardíacas,pois aumenta os níveis de colesterol HDL, protege contra danos arteriais e pressão alta.

E hoje se sabe que até estimula a produção de células-tronco adultas, o que estimula o sistema imunológico. Só tem um problema …

É que a moderna produção de vinho hoje é muito diferente da tradicional bebida dos nossos antepassados. Eles estão cheios de produtos químicos tóxicos.

No passado, a vinificação era um processo muito simples, aonde se colhia as uvas selvagens, que eram esmagadas e deixadas para fermentar por um tempo.

O resultado era uma bebida com baixo teor alcoólico e rica em antioxidantes.

Mas hoje, os produtores de vinho na grande maioria adicionam cerca de 80 aditivos químicos em seus vinhos.

E pior ainda: de acordo com um novo estudo realizado por físicos nucleares franceses, alguns dos vinhos tintos e rosés da Califórnia contêm materiais radioativos tóxicos, resultado da contaminação causada pela destruição da usina nuclear no Japão, em 2011, por um tsunami devastador. 

A radiação se espalhou do Japão até o litoral da Califórnia, contaminando tudo em seu caminho. Incluindo o solo onde as uvas são cultivadas.

Para contornar este problema, você deve dar preferência para vinhos saudáveis completamente orgânicos, sem toxinas, de outras regiões.

Como muitos dos vinhos disponíveis nas prateleiras dos mercados não são orgânicos ou apresentam a contaminação mencionada acima, há uma maneira de ainda se aproveitar o vinho disponível… Desde que realize um detox ao fim das comemorações.

Detox de vinho

Com esta estratégia você retira naturalmente as toxinas ambientais que estão escondidas em seu vinho:

Spirulina (Arthrospira platensis)

É uma alga verde-azul cultivada em água limpa e fresca e luz solar natural. Essa coloração característica é pela alta presença de ficocianina, um poderoso antioxidante.

Rica em proteínas, aminoácidos essenciais, vitaminas,minerais e ácidos graxos essenciais. A literatura recomenda de 500 mg a 3.000 mg por dia.

Carvão ativado

É um pó preto fino, inodoro, insípido, seguro de se consumir e muito potente.

Uma pequena quantidade de carvão pode acabar com décadas de metais pesados ​​tóxicos como arsênico, cobre, mercúrio e chumbo que estão se acumulando em seu corpo.

Os estudos indicam 20 a 30 gramas por dia de carvão ativado em pó (em doses divididas) misturado com água durante um período de 1 a 2 semanas.

Pectina cítrica modificada

Produzida a partir da casca interna de frutas cítricas. Tem alto potencial de desintoxicação sem promover perda de minerais como zinco,cálcio ou magnésio.

As pesquisas apontam bons resultados ao se consumir 5 gramas (1 colher de chá) três vezes ao dia.

Certamente, com essas dicas você poderá ficar mais tranquilo após as comemorações. Além disso, lembre-se, beba com moderação!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *