Alimentação

Cuidado com os Lanches no Trabalho!

A maior parte das pessoas que trabalham passa por isso. Elas ficam o dia todo fora de casa, e no meio da correria, se alimentam mal. Acabam apelando para aqueles lanches rápidos, e colocam a culpa dessa má alimentação na falta de tempo. Mas, será mesmo?

Veja bem, segundo uma pesquisa recente, esses hábitos alimentares ruins pode acabar influenciando o resto da sua alimentação. O estudo analisou a alimentação dos funcionários do Hospital Geral de Massachusetts, um grande hospital nos Estados Unidos.

Esses trabalhadores faziam a maior parte de suas refeições nas cafeterias do local. Os dados relativos à venda dos lanches e sua qualidade alimentar foram então catalogados, criando-se uma escala de avaliação de lanches mais ou menos saudáveis.

As informações foram comparadas aos dados de saúde dos 602 participantes pesquisados, como níveis de obesidade, diabetes, pressão alta e mau colesterol.

O que a pesquisa sobre os lanches mostrou

Uma parte dos resultados já era de se imaginar. Os funcionários do hospital que compravam lanches menos saudáveis tinham maior risco de obesidade, hipertensão e diabetes. Já nos que comiam com consciência, evidentemente, esses riscos eram menores.

Mas, agora, algo que talvez lhe deixe surpreso. Segundo a pesquisa, os voluntários que comiam lanches ruins no horário de serviço tinham tendência a comer mal mesmo fora do ambiente de trabalho.

Para os pesquisadores, isso demonstra uma questão comportamental importante. Comer bem é um hábito que deve ser cultivado, não importando a situação do seu dia a dia. A desculpa da falta de tempo foi por água abaixo!

Depois da pesquisa, o Hospital Geral de Massachusetts iniciou uma campanha de conscientização, indicando quais lanches do cardápio das cafeterias eram os mais saudáveis e quais deveriam ser consumidos com moderação.

A pessoa, é claro, tem o direito de escolher o que quer consumir, mas quanto mais informação sobre o que de fato está comendo, maiores as chances de mudança de hábito para melhor!

Se você tem uma empresa que oferece alimentação ou tem lanchonete para seus funcionários, pense nisso. É possível ajudar nessa mudança. E se você, por causa do trabalho, sempre come fora de casa, fique atento aos lanchinhos. Eles fazem a diferença entre uma saúde ruim e uma Supersaúde!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *