Alimentação

Couve-de-Bruxelas: Controle Natural da Pressão e Proteção Contra o Câncer

Que tal variar um pouco na sua salada? Para isso, uma boa opção é a couve-de-bruxelas (Brassica oleracea). Ela tem esse nome porque sua primeira referência datada vem da cidade de Bruxelas, na Bélgica, por volta do ano 1200.

A couve-de-bruxelas é um vegetal crucífero, como o brócolis, o rabanete, o repolho e a couve comum. Aliás, ela tem um formato bem semelhante ao repolho, com as folhas crescendo ao longo do caule, que se aglomeram de forma compacta. Porém, tem um tamanho um pouco menor.

Vitaminas e minerais

São nas vitaminas e minerais que estão a maior parte dos benefícios da couve-de-bruxelas. Além da vitamina C, com alto potencial antioxidante, ela contém outras como as vitaminas B2, B6 e A.

Mas, com relação às vitaminas, a grande concentração de vitamina K é o fator mais importante. Isso porque ela é importantíssima para a força dos ossos, graças à sua utilidade em permitir que nosso corpo assimile melhor o cálcio.

Quanto aos minerais, possui boa concentração de potássio, o que contrabalança o sódio do organismo. E isso, meu amigo, tem um efeito formidável: controla sua pressão arterial de maneira natural, da forma como a natureza indica.

Também conta com minerais como magnésio, manganês, cálcio, ferro e cobre.

Outros benefícios da couve-de-bruxelas

  • Produz fitoquímicos que neutralizam o desenvolvimento tumoral, principalmente nos casos de câncer de próstata e mamas.
  • Tem ação antioxidante que protege o DNA celular.
  • Alto potencial de desintoxicação do corpo contra substâncias cancerígenas.

Apesar do nome parecido, a couve-de-bruxelas tem algumas diferenças com relação à couve comum.  Essa última contém uma quantidade maior de aminoácidos e uma boa quantidade de proteínas, principalmente por estarmos falando de um vegetal.

Uma última dica: segundo pesquisa de uma universidade britânica, cozinhar a couve-de-bruxelas pode diminuir seu potencial de proteção contra o câncer. O melhor seria, então, consumi-la crua. Então, turbine sua salada e aproveite!

Referências bibliográficas:

  • Muito Além dos Superalimentos: Mude sua Vida com Supernutrientes. Dr. Wilson Rondó Jr.
  • Boiling broccoli ruins its benefits. The Telegraph. 16. May. 2007.
  • Agric. Food Chem., 2017, 65 (39), pp 8578–8585
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *