Como o Sono Influencia nas suas Reações do Dia a Dia

Já reparou que quando você dorme menos, qualquer coisa te irrita?

Esse é um dos sintomas mais conhecidos da falta de sono, e é sempre notável como as pessoas com olheiras profundas apresentam também um baita mau humor!

E não é só isso, pois ao dormir mal nosso organismo não consegue se recompor o suficiente para um novo dia.

Nosso sistema fisiológico sofre e se desgasta.

Quando se torna algo crônico é ainda pior, podendo levar a doenças crônicas e até diminuindo a sua expectativa de vida!

Mas sabia que até pequenas variações de sono têm efeito sobre nosso dia a dia?

É o que uma pesquisa recente demonstrou. Veja…

Sono e humor andam juntos!

O estudo, realizado por pesquisadores da Universidade da Columbia Britânica, no Canadá, avaliou 2 mil voluntários.

Durante 8 dias, eles precisaram relatar as experiências diárias e a quantidade de sono que tiveram na noite anterior aos acontecimentos.

Com esses dados em mãos, foi feita uma análise da relação entre o tempo dormido e as reações emocionais.

As conclusões trouxeram informações importantes, como:

  • Pessoas que dormiam menos do que o normal reagiam a eventos estressantes com uma perda maior de emoções positivas.
  • Até mesmo no caso de eventos positivos, quem dormia menos não ficava tão feliz e satisfeito quanto quem dormia o necessário.
  • Os participantes da pesquisa que já tinham doenças crônicas tinham respostas mais positivas quando dormiam um tempo maior do que o normalmente recomendado.

Diante disso, fica claro que dormir a quantidade de horas adequadas e com qualidade é importante para nosso quadro geral de saúde.

Pois quando reagimos mal aos acontecimentos diários, com emoções negativas, aumentamos nosso estresse e consequentemente o risco de doenças.

Conforme reforça a Dr. Nancy Sin, uma das autoras do estudo:

“A diretriz recomendada para uma boa noite de sono é de pelo menos sete horas, mas um em cada três adultos não atende a esse padrão.

Um grande número de pesquisas mostrou que o sono inadequado aumenta o risco de transtornos mentais, condições crônicas de saúde e morte prematura.

Meu estudo acrescenta a essa evidência, mostrando que mesmo pequenas flutuações noturnas na duração do sono podem ter consequências em como as pessoas respondem aos eventos em suas vidas diárias.”

Então, é hora de cuidar do seu sono!

Veja algumas dicas para dormir melhor

1 – Durma o tempo adequado

O ideal para os adultos é entre 7 e 9 horas por noite.

Crianças precisam de mais horas, como comentei nesse outro post (veja aqui).

2 – Durma no escuro

Luzes no ambiente, como TV ou celular, interferem na sua produção de melatonina, o hormônio do sono.

Seu cérebro precisa de escuridão total para dormir bem!

3 – Fique de olho nos seus níveis de melatonina

Algumas pessoas têm suplementado a melatonina, mas dependendo da dose, o efeito pode ser o inverso.

Clique aqui para saber mais sobre o assunto.

4 – Atenção às vitaminas e minerais

Certas vitaminas são muito importantes para dormir bem.

A vitamina D, por exemplo, ajuda a aumentar as concentrações cerebrais de serotonina, que é um precursor da melatonina.

Já a vitamina B1 melhora a circulação cerebral, melhorando os seus padrões de sono.

Dentre os minerais, o magnésio é fundamental, pois promove relaxamento.

Inclusive, estudos indicam bons resultados em pessoas que usaram suplementos de magnésio de 100 mg por dia.

5 – Cuidado com a cafeína

Há pessoas mais sensíveis à cafeína, perdendo o sono quando a consomem até mesmo no período da tarde.

Se é o seu caso, evite.

6 – Use alimentos que promovem bom sono

Além de alimentos que contenham as vitaminas e minerais citados no item anterior, há um aminoácido que é comprovadamente uma ajuda para o bom sono.

Estou falando da glicina, que administrada em forma de suplemento levou as pessoas a dormirem mais e melhor.

Você pode obtê-la naturalmente em um brodo de frango.

Esse caldo de ossos é fonte natural de glicina, um dos aminoácidos que compõem o colágeno.

Clique aqui e confira a receita.

Com ela, além de um sono melhor, você conseguirá uma pele incrível.

Supersaúde e bons sonhos!

Referências bibliográficas:

  • Nancy L. Sin, Jin H. Wen, Patrick Klaiber, Orfeu M. Buxton, David M. Almeida. Sleep duration and affective reactivity to stressors and positive events in daily life.. Health Psychology, 2020; DOI: 10.1037/hea0001033.
  • University of British Columbia. “People react better to both negative and positive events with more sleep.” ScienceDaily. ScienceDaily, 15 September 2020.
  • J Clin Psychopharmacol. Dec. 1999
  • Sleep and Biological Rhythms. 9 February 2006.
  • Sleep and Biological Rhythms. 27 March 2007.
  • Biomed Khim. Jul-Aug2014.
  • Brodo de Frango: Indutor do Sonowww.DrRondo.com
  • A Melatonina Não te Ajuda a Dormir? Pode ser por Isso!www.DrRondo.com
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link