Como o Muco Funciona?

Todo mundo já passou por isso. De um leve resfriado a uma forte gripe ou problemas nas vias respiratórias, lá está ele. Estou falando do muco, também conhecido catarro, que incomoda muita gente.

Essa substância é vista como indesejável ou até mesmo “nojenta”, mas trata-se de algo natural do nosso corpo. Em condições normais de saúde, está presente revestindo diversas partes do nosso organismo. Ele funciona como uma barreira protetora, por exemplo, em nossas vias nasais, pulmão e estômago.

Por que o muco aumenta quando estamos doentes?

Um dos casos mais comuns de aumento e mudanças na produção de muco é quando ficamos gripados ou resfriados. Na verdade, é nessa hora que a maioria das pessoas o vê e se lembra dele, embora o mesmo tenha sempre estado ali, como um guarda-costas de prontidão.

Quando algum vírus ou bactéria afeta suas vias respiratórias, há um acúmulo de águas, sais minerais e substâncias inflamatórias. Isso aumenta a quantidade do muco, que tenta remover o intruso. Pesquisas mais recentes afirmam ainda que esse líquido pode mudar o comportamento dos micro-organismos, prevenindo que causem infecções.

As células ciliadas do epitélio respiratório, que em condições normais atuam direcionando o muco para seu sistema digestivo, também podem ser agredidas. O resultado é que o catarro precisa sair pelas suas vias aéreas – e aí, prepare seus lenços, pois é hora de assoar o nariz! Tudo volta ao normal gradativamente, com a expulsão dos intrusos causadores do problema.

Atenção!

Em geral, a principal causa dos resfriados mais simples são os vírus – e é por isso que tomar antibióticos nem sempre é uma boa ideia. A infecção bacteriana é geralmente indicada pela cor da secreção, quando essa se apresenta esverdeado ou amarelado.

O ideal, como sempre falo, é a prevenção. Ao manter seu sistema imunológico em dia, você pode até encontrar com algum desses vírus e não desenvolver problemas mais sérios. Para se proteger, lembre-se também de opções naturais, como o alho, que tem se provado incrível no combate da gripe, como já comentei por aqui.

Portanto, não tenha nojo do muco. Ele tem um papel fundamental no seu corpo e pode ainda servir de alerta sobre o que está acontecendo com você!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link