Chá Verde: Aliado das Bactérias Boas e do Combate à Obesidade

O chá verde é uma das mais tradicionais formas de se apreciar um bom chá. Ele é obtido a partir das folhas pouco fermentada da planta Camellia sinensis, milenarmente usada com essa finalidade.

Mas não se trata apenas de um hábito consolidado pelo tempo. Um enorme número de pesquisas comprova o quanto o chá verde faz bem para nossa saúde. Um deles, por exemplo, feito no Japão, concluiu que beber mais de 3 xícaras por dia corta o risco de sofrer um derrame em 14%!

Além disso, seu alto teor antioxidante pode lhe proteger de doenças cardíacas, câncer de próstata e até da doença de Alzheimer. É, realmente, uma xícara de saúde. E por incrível que pareça, ainda há mais fatos sobre ele até agora não revelados…

Chá verde e ecologia intestinal

O que uma pesquisa da Ohio State University comprovou agora que o chá verde pode ajudar na regulação da ecologia intestinal. Para isso, eles alimentaram um grupo de ratos de laboratório obesos com um extrato feito com o chá durante 8 semanas, comparando-o com outro grupo que não recebeu o chá.

Cada grupo contava também com ratos de peso normal, para que fosse possível analisar a diferença baseada na obesidade dos animais. Ao final desse tempo, a flora intestinal dos ratinhos foi analisada e os resultados foram os seguintes:

  • Os ratos obesos que consumiram o extrato de chá apresentavam menos infamação no tecido adiposo e nos intestinos;
  • O chá verde parece ter protegido contra o intestino poroso, evitando que bactérias tóxicas passassem para a corrente sanguínea;
  • O chá verde contribuiu para a manutenção de bactérias boas, mesmo nos intestinos dos ratos obesos;
  • Os ratos não obesos que consumiram o extrato do chá tiveram menor ganho de peso durante o tempo da pesquisa.

Esta foi apenas a primeira pesquisa, feita com animais. Os pesquisadores agora já trabalham para entender esses efeitos em humanos, especialmente aqueles com síndrome metabólica.

De qualquer forma, fica aqui registrado mais um ponto positivo para o chá verde – como se não bastasse tudo o que já se sabe dele! Então, lembre-se disso na próxima vez em que for deliciar sua xícara fumegante. Supersaúde!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *