Se quer engravidar, fuja da soja!

A soja transgênica prejudica a fertilidade e pode causar má-formação fetal!A soja transgênica prejudica a fertilidade e pode causar má-formação fetal!Inúmeras pesquisas condenam a soja como alimento, por diferentes razões. Agora, um estudo brasileiro sugere que se tenha cautela com a soja transgênica, já que pode estar relacionada à baixa fertilidade. Acredita-se que esse tipo de soja estimule a produção excessiva de estrogênio e lesione a glândula pituitária (hipófise), com prejuízo para a produção adequada de importantes hormônios, como endorfina, prolactina, hormônio do crescimento, ocitocina e outros.

Carne vermelha não eleva colesterol nem causa doenças cardíacas!

O perigo está em carboidratos e alimentos refinados.Você já sabe que diminuir o consumo de carboidratos faz bem. Vive-se mais e melhor. E talvez ainda não saiba que aumentar o consumo de carne vermelha reduz de forma expressiva a ocorrência de problemas cardíacos. Então, que tal combinar menos carboidratos e mais proteína na alimentação? Você só tem a ganhar. Anote aí, de uma vez por todas: proteína animal não aumenta risco de doença cardíaca. Ao contrário: diminui.

Óleo de coco

Reabilitar a gordura saturada natural, como a do óleo de coco, é um salto de qualidade para dias melhores.Por 60 anos as autoridades médicas nos fizeram acreditar que gordura saturada elevava colesterol, causava doenças cardíacas, obesidade e até Alzheimer. Nós, pobres mortais, deixamos de consumi-la esperando dias melhores. Mas essas doenças continuam aumentando. Algo deve estar errado. Até porque, em populações de ilhas do Pacífico, que retiram de 30 a 60% de suas calorias diárias do óleo de coco, rico em gordura saturada, os índices de doença cardiovascular, por exemplo, são ínfimos.

Manteiga

Deliciosa, já teve dias de glória até inventarem as gorduras hidrogenadas, de baixo preço e, por isso mesmo, alto consumo.Não houve contemplação com o consumidor que, vítima de interesses econômicos, engoliu a idéia de que as “novas gorduras” eram mais saudáveis. Não são. Margarina, comparada à manteiga, não dá nem pra largada!

Carne vermelha, o grande segredo dos campeões

O grande segredo dos campeões!Nos últimos 25 anos, milhões de pessoas, inclusive atletas de resistência, foram levados a acreditar que a alimentação ideal deveria ser à base de carboidratos, com pouca gordura e relativamente pouca proteína. Algumas se tornaram vegetarianas, outras passaram a buscar proteínas em alimentos com pouca gordura como clara de ovo, frango, peito de peru e peixes magros. Carne vermelha, jamais! Atletas, em especial, provavelmente se convenceram que consumir um bife era mais perigoso do que usar anabolizante.

Os homens que se cuidem (garrafa de água)

Sexo, latas, garrafas e mamadeiras sob suspeita.Garrafas de plástico duro e o revestimento de muitas latas de produtos alimentícios estão entre as principais fontes de bisfenol (BPA), substância química nociva à saúde. Até produtos que deveriam estar acima de qualquer suspeita, como mamadeiras, compõem a lista. Em 2009 o Canadá já queria suspender a importação e a venda de mamadeiras contendo BPA. O programa de Toxicologia Nacional chegou a divulgar um relatório onde expressava uma certa preocupação sobre os efeitos potenciais de BPA no cérebro, no comportamento e nas glândulas prostáticas, inclusive de crianças.

A intolerância ao glúten pede um diagnóstico

Para o controle da doença ter sucesso, o tratamento deve começar antes dos 20 anos de idade.Nos Estados Unidos, os índices atuais de intolerância ao glúten aumentaram cerca de 4 vezes, comparados a uma avaliação de amostras de sangue de recrutas da Força Aérea Americana feita em 1950. Acredito que ocrescimento se relacione à dieta moderna rica em carboidratos provenientes de grãos e pelo fato de que a proteína de glúten aumentou muito no trigo híbrido, amplamente usado em inúmeros produtos. Como nossa alimentação segue de perto os hábitos americanos, essa intolerância também pode estar crescendo no Brasil.

Qualidade dos Alimentos – Veja como escolher os melhores!

Nem sempre as informações que temos sobre certos alimentos são corretas. Atualize-se e ganhe em saúde!Ovo – A idéia de que ovo causa colesterol já era. Carboidratos, como açúcar e farinha, é que elevam a gordura no sangue. Não despreze esse alimento. A gema é rica em nutrientes, como vitamina E, fosfatidil colina e ácidos graxos essenciais.

Água de coco, água da vida

Nenhum produto criado pelo homem para reidratação pode ser comparado a essa verdadeira usina de nutrientes.Há bem pouco tempo, nutrólogos – inclusive eu! – recomendavam moderação no consumo da bebida, preocupados por conter frutose e gorduras saturadas. Confesso que mudei e já a indico a meus pacientes, sem restrições. Novas informações e pesquisas me levaram a isso, em especial sobre a reabilitação da gordura saturada, que deixou de ser demônio depois de reconhecidas suas qualidades.

Chá vermelho e boa forma

A mais nova arma para perder peso com saúde e enfrentar o estresse da vida moderna.Natural, saboroso, aromático e eficiente, o chá vermelho ( red tea ou pu-erh) é conhecido como devorador de gorduras, porque inibe o apetite, ajudando a perder excesso de peso, o que é saudável. Mas o chá vermelho, uma variedade de chá verde que adquire determinadas características após ser fermentado, tem muitas outras qualidades. É desintoxicante, reduz o mau colesterol, acelera o metabolismo do fígado, facilita a digestão e tem propriedades antidepressivas. Contém vitamina C, vitaminas do complexo B, sais minerais e polifenóis, além de outras substâncias importantes. Nada desprezível, não?

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER
close-link

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER
close-link