Saúde

Como Aumentar o seu Nível de Óxido Nítrico

O que você conhece sobre o óxido nítrico? E sobre os nitratos?

Quando se fala em nitratos, as pessoas logo pensam nos embutidos e que são desfavoráveis para a saúde. No entanto, você sabia que os vegetais também contêm nitratos?

Isso não é um fator desfavorável, como pode parecer à primeira impressão, mas é importante entender quando são benéficos ou não.

Nitratos à base de plantas

Neste caso, os nitratos são convertidos em nitritos pelas bactérias orais durante a mastigação. Quando chegam ao estômago, entram em contato com o suco gástrico, podendo ser convertido em:

  • Óxido nítrico (benéfico) ou compostos N-nitrosos cancerígenos, como as nitrosaminas (maléficos).

Os antioxidantes (como a vitamina C e polifenóis) contidos nas plantas, ajudam a garantir que os nitritos sejam convertidos em óxido nítrico benéfico quando chegam ao estômago, e não em nitrosaminas prejudiciais.       

Os alimentos vegetais mais ricos em nitratos são:

  • beterraba, rúcula, ruibarbo, coentro, alface, manjericão e acelga.

Nitratos à base de animais

Nas carnes processadas há uma tendência de formação de compostos N-nitrosos, que em parte é pela combinação de nitrito e proteínas da carne, que contém heme (um composto contendo ferro que faz parte da molécula de hemoglobina no sangue).             

Já no bacon, na forma curada a seco com um esfregão de uma mistura de ervas, açúcar, sal e sais minerais de nitrito de sódio, tem uma condição supostamente saudável, pois nesta composição há vitamina C.

A presença dessa vitamina auxilia na formação do pigmento nitrosil heme, que dá a cor vermelha maravilhosa, e auxilia na certeza dos nitritos se converterem em óxido nítrico saudável e não as nitrosaminas cancerígenas

Por isso, a USDA exige o uso de eritorbatos e / ou ascorbatos de sódio no processamento de bacon, principalmente depois que achados consistentes de pesquisas indicaram que estas substâncias reduziam o nível de nitrosaminas substancialmente.

Hoje, o ácido ascórbico é rotineiramente acrescentado às carnes curadas junto com o nitrito para promover a formação benéfica do óxido nítrico e para inibir as reações de nitrosação no estômago que podem levar às nitrosaminas carcinogênicas. 

Apesar de tudo isso, ainda assim a carne processada (salsicha e embutidos) é classificada como um carcinógeno do Grupo 1.             

Portanto, de acordo com isso, devem ser evitados e consumidos o mínimo possível.

Importância do óxido nítrico para a sua saúde

O óxido nítrico é um gás solúvel produzido continuamente a partir do aminoácido L-arginina dentro de suas células. Apesar de ser um radical livre, tem ação sinalizadora biológica que suporta a função endotelial normal e protege suas mitocôndrias.

Pela sua ação vasodilatadora, ajuda a relaxar e ampliar o diâmetro dos vasos sanguíneos, permitindo um fluxo sanguíneo adequado à oxigenação de tecidos e órgãos, além de auxiliar na remoção de resíduos e dióxido de carbono.

Na medicina convencional, usa-se os nitratos geradores de óxido nítrico para tratar angina e insuficiência cardíaca congestiva.

Segundo o cardiologista Dr. Stephen Sinatra:

 “A produção adequada de óxido nítrico é o primeiro passo de uma reação em cadeia que promove a função cardiovascular saudável, enquanto o óxido nítrico insuficiente desencadeia uma cascata de destruição que resulta em doença cardíaca. Além disso, impede que os glóbulos vermelhos se unam para criar coágulos perigosos e bloqueios”.       

Em cada década do envelhecimento, perde-se cerca de 10% de sua capacidade de produzir óxido nítrico. Por isso é importante estimular a produção de óxido nítrico, à medida em que você envelhece.

Como aumentar óxido nítrico

1. Associe alimentos ricos em nitratos;

2. Adicione probióticos na sua rotina para potencializar a resposta, pois a boa ecologia intestinal, rica em bactérias boas, ajuda a neutralizar nitrosaminas, enquanto a presença de bactérias ruins aumenta a produção deste elemento desfavorável.    

3. Exercício de alta intensidade, como o treinamento supra aeróbico, descrito no meu livro 20 Minutos e Emagreça.

4. Exposição adequada ao sol, pois ao tocar a sua pele, o UVA da luz solar libera o óxido nítrico na corrente sanguínea.         

O consumo na dieta de nitratos de plantas e eventualmente de origem animal podem fazer um trabalho semelhante aos medicamentos à base de nitrato.

Com isso você agrega todos os benefícios que o óxido nítrico pode lhe trazer e aumenta a sua saúde cardiovascular, sendo especialmente importante se você tiver dificuldades com a pressão alta.

Benefícios do óxido nítrico

  • Melhora sua função imunológica    
  • Tem ação antibacteriana       
  • Suprime a inflamação           
  • Mantem o fluxo sanguíneo 
  • Controla os radicais livres   
  • Aumenta oxigenação cerebral        
  • Antidiabetogênico    
  • Melhora desempenho físico e recuperação pós exercício  

Portanto, mantenha bons níveis de óxido nítrico. Sua saúde agradece!

Referências bibliográficas:

  • Scientific American. October 26, 2015
  • Nutrition Action. March 5, 2018
  •  Wired. October 27, 2015
  • World Cancer Research Fund, Limit Red Meat and Avoid Processed Meat
  • Carcinogenesis. 1989 Feb;10(2):397-9
  • Essentialstuff.org April 28, 2014
  • Applied Microbiology .1975 Jan;29(1):7-12
  • New York Daily News April 20, 2017
  • Express.co.uk April 20, 2017
  • International Immunopharmacology. August 2001
  • American Society for Microbiology. February 28, 2002
  • Digestion, 1997, Vol 58
  • Cell Metabolism. 2018 Jul 3;28(1):9-22
  • J Appl Physiol. (1985). 2009 Oct;107(4):1144-55
  • Journals of Gerontology. November 9, 2016, glw219
  • Neuroscience News. April 19, 2017
  • PNAS. October 12, 2010. 107 (41) 17716-17720
  • Free Radical Biology and Medicine. September 2006; 41(5): 691-701
  • Hypertension. 2008 Mar;51(3):784-90
  • DrSinatra.com February 20, 2015
  • J Invest Dermatol. 2014 Jul;134(7):1839-1846
  • Circ Res. 2009 Nov 6;105(10):1031-40
  • www.drrondo.com/oxido-nitrico-nutriente-cerebral/
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *