Prevenção

Artrose? A Resposta está, de Novo, nas Bactérias dos seus Intestinos!

A artrose é um tipo de inflamação que ocorre quando há desgaste nas extremidades dos ossos, em especial nas partes flexíveis, resultando em muita dor. Nas pessoas obesas, é comum que ela ocorra nos joelhos.

Por muito tempo, se acreditou que nesses casos ela era principalmente o resultado do excesso de peso. Afinal de contas, se o peso é maior, o desgaste dessa articulação será também mais intenso, certo?

Mas pesquisas recentes mostram que há outro motivo por trás do problema. Um motivo que você nem imagina, mas que faz todo o sentido. Alimentação errada! Achou estranho? Pois é isso mesmo!

Bactérias intestinais e artrose

Pesquisadores do Centro Médico da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, encontraram evidências de o que causa a artrose nos joelhos são as bactérias intestinais nocivas, e não o excesso de peso.

Para chegar a essa conclusão, eles alimentaram ratos com o típico junk food: muita gordura ruim e açúcares. Depois de 12 semanas, além dos ratos ficarem obesos, as bactérias boas quase desapareceram por completo de seus intestinos, enquanto as bactérias ruins proliferaram de maneira absurda.

Elas então causaram inflamações pelo corpo dos animais, inclusive nas articulações dos joelhos. Esses efeitos, porém, foram reduzidos quando os cientistas deram probióticos aos ratos. Embora a obesidade tenha se mantido, o quadro de artrose melhorou. Ou seja, eram as bactérias pró-inflamatórias e não o peso que causava o problema!

O problema está na alimentação

Mais uma pesquisa comprova o que tenho falado sempre: o problema está em uma alimentação rica em gordura ruim e produtos refinados / industrializados. Esse excesso de erros acaba com as bactérias boas do seu organismo e causam não só a obesidade, mas a maioria das doenças do mundo moderno.

Para corrigir o problema, é preciso mudar a alimentação. Comer gorduras naturais boas, como banha de porco, bacon, leite e queijo crus, tudo de animais criados a pasto, é a melhor alternativa. Dentre as gorduras vegetais, opte pelo óleo de coco e azeite de oliva extravirgem, e fuja dos óleos de soja, milho, canola e similares. E nem preciso dizer para dar adeus aos fast foods e bebidas açucaradas, certo?

E por fim, é claro, você precisa colocar no seu intestino as bactérias boas, assim como os cientistas fizeram com os ratos. Para isso, consuma probióticos, alimentos ricos em fibras e fermentados. Escrevi um post especial sobre como corrigir sua ecologia intestinal que você pode ver aqui . Fique atento à sua alimentação! As bactérias boas são aliadas para uma Supersaúde!

Referências bibliográficas:

  • JCI Insight. 2018;3(8):e95997
  • The Bugs in Your Gut Could Make You Weak in the Knees. URMC News. 19 April. 2018.
  • 2015.
  • Allergy Asthma Rep. 2016 Feb.
  • 2014 Dec.
  • Med Sci Sports Exerc.2017 Nov 20
  • B J Nutr, 1998;80(Suppl. 2):S203-S207
  • J Nutr Biochem, December, 1998;9(12):668-675. 31711-
  • Allergy, 2001;56(Suppl. 67):125-126
  • Am J Clin Nutr, 2001;73(Suppl.):1142S-1146S
  • J Am Diet Assoc, February 2001;101(2):229-238, 241.
  • Am J Clin Nutr. 2001 Dec;74(6):833-9.
  • IMAJ, May 2002;4:353-356
  • Eur J Pharmaceut Sci, 2002;15:1-9
  • The American Journal of Clinical Nutrition, March 2008;87(3):534-538
  • The British Journal of Nutrition July 2010;104(2):227-32
  • Neurogastroenterology and Motility, March 2011: 23(3); 255-e119
  • Human Microbiome Project May 14, 2012
  • Health and Disease Begin in theColon – Serge Jurasunas. 2016
  • Livro 20 minutos e Emagreça. Editora Gaia
< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *