Saúde

Ar Poluído e Barulho: A Receita Fatal para o Risco Cardíaco

Com certeza você já sabe que a poluição é um risco para a saúde. Respirar ar poluído pode trazer problemas respiratórios e aumentar o risco de diversas outras doenças. Por meio dessa atmosfera recebemos até mesmo metais pesados, que entram em nosso corpo e alteram nosso metabolismo.

Com isso, até mesmo nossa saciedade é comprometida. Estudos recentes já mostraram que o simples ato de respirar em cidades com ar poluído, como São Paulo e Pequim, pode nos engordar.

Outro ponto comum entre essas cidades é que, junto com a poluição atmosférica, está a poluição sonora. Os sons de carros, helicópteros, aviões, trens, metrôs etc. são uma presença constante, por vezes nos atormentando.

Outra pesquisa, publicada no Journal of the American College of Cardiology, já demonstrou a ligação entre o barulho do tráfego e aumento da pressão arterial, doenças coronarianas, infarto e até parada cardíaca.

Os problemas estariam relacionados ao estresse que passamos por causa dessa sinfonia, o que altera os hormônios e prejudica a saúde dos nossos vasos sanguíneos.

O perigo do ar poluído e do barulho

Diante de tudo isso, o que aconteceria se analisassem os dois juntos: ar poluído e barulho? Foi o que fizeram pesquisadores suíços.  Eles analisaram os ataques cardíacos ocorridos naquele país durante 8 anos, e buscaram relacioná-lo à poluição do ar e aos sons do tráfego.

Os pesquisadores analisaram pesquisas anteriores sobre o assunto e viram que havia diferenças entre as que analisavam só o ar poluído e as que observavam a poluição sonora e atmosférica ao mesmo tempo.

Em outras palavras: parte do risco cardíaco atribuído ao ar poluído seria, na verdade, de responsabilidade do barulho. Mas qual o problema disso? Bom, segundo os pesquisadores, o que acontece é que deve-se combater os dois tipos de poluição ao mesmo tempo. Um só não adianta!

Então, para se proteger, lembre-se: não basta apenas usar proteção contra o barulho. Faça também programas de desintoxicação. Eles vão lhe ajudar a viver nesse mundo poluído e barulhento. Cuide-se!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *