6 Bebidas Energéticas Alternativas ao Café

Se você me acompanha por aqui, já conferiu vários artigos que mostram as mais recentes pesquisas sobre os benefícios do café. Porém, algumas pessoas têm certa resistência à bebida por metabolizarem a cafeína de forma mais lenta, algo ligado à genética de cada um.

Para esses “metabolizadores lentos”, beber café está associado com:

  • maior risco de doença cardíaca
  • maior risco de hipertensão
  • glicemia de jejum alterada
  • menor efeito protetor contra alguns tipos de câncer que parece ser grande para “metabolizadores rápidos”

Eu dei algumas dicas para saber se você está nesse time neste outro post. E se esse for o seu caso ou mesmo se não gostar de café, saiba que nem tudo está perdido. Há algumas alternativas que também turbinam a sua energia.

Alternativas energéticas ao café

1 – Guaraná

O guaraná contém mais cafeína concentrada que o café. Em relação ao peso seco, ele garante mais que o dobro da substância energética. Se você tem problemas ao metabolizar cafeína, conforme comentei no início, talvez não seja uma boa opção, mas se está apenas buscando uma alternativa ao café, ele é uma ótima ideia.

Há também uma diferença significativa. Quando você bebe café, a cafeína se liga a receptores “adenosina”, que são o seu sinal para dormir, te deixando ligado. Logo seu corpo começa a liberar adenosina para superar os receptores bloqueados. Quando isso acontece, você sente o choque da cafeína.

Já o guaraná é cheio de guaranina, um membro mais fraco da família da cafeína que torna-se poderoso por uma característica especial: também é cheio de ácidos graxos saudáveis, que reduzem o efeito indesejável da cafeína. Mas, atenção: não estou falando do refrigerante, e sim do guaraná em pó!

2 – Erva mate

A erva mate é muito popular na América do Sul, sendo consumida tanto no típico chimarrão do sul do país quanto em infusão simples, também conhecida como “chá mate”. Tem um pouco menos de cafeína que o café, mas conta também com aminoácidos e nutrientes. Clique aqui para saber um pouco mais.

3 – Chá

Os chás verde, preto ou branco, todos produzidos a partir da planta do chá, a Camellia Sinensis, também contêm cafeína. Ela está mais concentrada no preto, moderada no verde e em menor teor no branco. Clique aqui para saber um pouco mais sobre os chás.

4 – Matcha

O matcha é uma forma de preparo do chá verde tradicional do Japão. Ele é produzido através de cozimento no vapor. Com isso, as folhas retêm todo o valor rico em nutrientes e a riqueza em clorofila age como um desintoxicante natural. As folhas inteiras da planta são moídas em um pó fino, que você mistura diretamente em água quente, resultando em uma bebida verde brilhante. É uma das melhores opções em chá verde para a sua saúde.

5 – Água

Sim, é isso mesmo. Pode ser que nunca tenham lhe contado, mas um dos primeiros sinais de desidratação é fadiga e falta de foco. Nem sempre nos lembramos de beber água na quantidade adequada, e isso acaba nos prejudicando. Com pouca água, você fica sem energia. Pode acreditar!

6 – Smoothies verdes

Os smoothies verdes, feitos com vegetais verde-escuros e uma pequena porção de frutas são incríveis para sua saúde e energia. Eles reúnem em um copo as vitaminas e minerais indispensáveis de forma muito mais prática e saborosa. Confira aqui no site diversas receitas para fazer o seu.

Então, nada de ficar com energia e foco em baixa. As alternativas ao café são diversas, com ou sem cafeína. Um brinde e Supersaúde!

Referências bibliográficas:

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




























               Clique aqui para saber mais detalhes >




 
close-link
close-link