Saúde

4 Benefícios Ocultos da Camomila

Certamente você já ouviu sua avó lhe recomendando um chazinho de camomila. É provável que ela tenha lhe falado de seu efeito calmante, ótimo para uma boa noite de sono, não é mesmo?

Mas a camomila é muito mais que isso. A ciência tem encontrado benefícios nessa planta que até então eram desconhecidos da maioria das pessoas. Vou falar de alguns deles agora. Você vai se surpreender!

1 – Previne o câncer de tireoide

Uma pesquisa do Instituto de Medicina Preventiva, na Grécia, encontrou um incrível benefício nesse chá: a prevenção do câncer, em especial o de tireoide.

Segundo os pesquisadores, pessoas que tomam chá de camomila de 2 a 6 vezes por semana são 70% menos propensas a desenvolver câncer de tireoide. Aqueles que têm o hábito de bebê-lo durante 30 anos aumentam essa proteção para 80%. E vamos concordar, 80% de prevenção é muita coisa!

2 – Ajuda no tratamento do câncer de mama

A camomila tem um composto chamado apigenina, que combate células cancerígenas. Alguns estudos concluíram sobre esse benefício com relação ao câncer de mama, mas é possível que também ocorra em outros tipos de câncer, podendo reduzir o crescimento de tumores e prevenir contra novas ocorrências.

3 – Melhora seus cabelos

Como já comentei, o uso excessivo de xampus não é uma boa ideia.  Mas se você ainda não consegue se livrar disso, dê preferência para xampus com extratos botânicos, como os com camomila.  A erva ajuda a garantir brilho e força dos cabelos, evitando pontas e quebras.

4 – Ajuda a dissolver cálculos de vesícula

O chá de camomila auxilia a dissolver cálculos vesiculares. Se você tem tendência a esse tipo de cálculos, é aconselhável fazer um detox da vesícula pelo menos 1 vez por ano. Ele só dura uma semana e não é agressivo para o seu corpo. Dentro desse programa, a camomila é importantíssima.

Bom, agora acho que você já compreendeu o quanto a camomila é boa para você. Se você quer dar um chega pra lá no estresse, com certeza ela é uma boa alternativa. Se quer muito mais que isso, ela também é! Supersaúde!

Referências bibliográficas:

 

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *