Especiais

12 Dicas de Saúde para 2018

Pensando nas resoluções de Ano Novo? Aqui está o checklist resumido de como você pode ter o seu melhor.

Nesta época do ano, é novamente aquele momento… Abrace o Ano Novo e comece uma nova fase dessa jornada de saúde, com dias cada vez melhores.

Se você ainda não está fazendo essas dicas para proteger sua saúde e bem estar, é o momento de começar.

E convido-o para acompanhar neste ano a minha Newsletter, para que possa fortalecer mais ainda a sua saúde neste 2018.

Então, vamos às dicas de hoje:

1) Jejum prolongado

Nosso corpo foi designado para ter períodos de jejum, e não comer com tanta frequência como fazemos atualmente.

Copiando os hábitos dos ancestrais, conseguimos uma condição mais natural que propicia o melhor benefício bioquímico.

Para isso, deve-se evitar o café da manhã ou o jantar. Com isso, se cria uma condição de pausa alimentar muito benéfica.

Se você quiser saber mais sobre jejum prolongado, clique aqui para ler um artigo especial, ou veja meu E-book Jejum prolongado.

2) Monitore seus níveis de ferro

Por incrível que pareça, atualmente é mais frequente o excesso de ferro do que a sua carência.

O excesso de ferro está ligado com geração de radicais livres, danos no seu DNA e nas membranas celulares.

Se não tratado, ele pode comprometer os seus órgãos e contribuir para câncer, doença cardíaca, diabetes, doença neurodegenerativa entre outras.

O exame que você deve fazer para saber a sua situação é dosar a ferritina, que deve estar entre 40 e 80 ng/ml.

Se a sua ferritina está acima disso, você deve doar sangue ou fazer flebotomia terapêutica. Para saber mais sobre o ferro, clique aqui.

3) Exercício

O exercício, especialmente quando de alta intensidade, como nos treinos supra aeróbicos, produzem os melhores benefícios para a longevidade e aparência rejuvenescedora, quando comparados com exercícios de intensidade moderada.

Para saber mais sobre exercícios supra aeróbicos, clique aqui ou veja o meu livro 20 Minutos e Emagreça, para ter todo os detalhes.

4) Cetose nutricional

Reduzindo-se ao máximo o consumo de açúcares e carboidratos processados, substituindo suas calorias por gorduras e proteína de alta qualidade em moderação, você induz o seu corpo a um estado metabólico aonde o seu corpo queima gorduras, em vez de glicose, como combustível primário.

Procure se alimentar com 60 a 85% das suas calorias de gorduras boas, como abacate, óleo de coco, TCM, manteiga de vacas a pasto, ovos de galinhas criadas soltas, carne de animais a pasto, banha de porco, castanhas como macadâmia e noz-pecan.

Com isso, você melhora a sua saúde, tanto na prevenção como no tratamento de doenças crônicas. Para atingir este estágio, você precisará estar gerando energia a partir das gorduras e não dos carboidratos, como é comum nos dias de hoje. Essa mudança requer cerca de 15 dias para se consolidar.

Para saber mais sobre o assunto confira o artigo Gordura ou Carboidrato: Qual e melhor para alta performance? Ou veja o meu E-book sobre Jejum prolongado.

5) Aumente o consumo de TCM

Com a alimentação de baixa gordura que temos visto nestes últimos 60 anos, que causou uma devastação na saúde, precisamos aumentar a ingestão de gorduras saturadas boas, como o óleo de coco, manteiga, laticínios e carne ne animais à pasto.

Para saber mais sobre a gordura saturada TCM, confira este artigo especial ou meu livro sobre o óleo de coco.

6) Aumento do consumo de ômega 3

Mais um fator carente com o desastre nutricional desses 60 anos, a proporção de ômega 3:ômega 6, que deveria ser 1:2, para se ter saúde, saltou para 1:20 ou mais. Com isso, está havendo um desequilíbrio indutor de doenças.

O excesso de alimentos refinados, além do consumo de óleos vegetais baratos, criou esse desequilíbrio.

Falo tudo sobre o assunto no E-book sobre Ômega 3 e no livro Sinal Verde para a Carne Vermelha.

7) Consumir proteína com moderação

O excesso de consumo de proteína não é saudável, pois estimula a enzima mTOR, que pode induzir câncer.

Para evitar o excesso, limite o seu consumo de proteína a 1 kg para cada kg de massa magra, e no caso dos atletas, idosos e gestantes, pode-se até dobrar essa quantidade.

Para entender melhor essa quantidade, confira este artigo especial sobre as proteínas.

8) Limite seu consumo de açúcar / frutose

Mais de 40% das doenças estão diretamente ligadas ao excesso de consumo de açúcar.

Ela aumenta a geração de radicais livres, causando lesão de DNA. Além disso, promove câncer e outras doenças degenerativas crônicas.

Deve-se reduzir a ingesta de frutose ao no máximo 25 g/dia, de todas as fontes, inclusive as frutas.

Caso você seja insulinorresistente, ou esteja acima do peso, limite o seu consumo a 15 g/dia. Saiba tudo sobre a frutose neste artigo especial.

9) Enfatize vegetais com pouco carboidrato

Procure vegetais ricos em fibras, vitaminas e minerais e com pouco carboidrato. Seu corpo precisa deles para ter uma ótima saúde, como por exemplo:

  • vegetais crucíferos, como couve e brócolis
  • folhas verdes como espinafre, acelga, couve
  • gengibre, açafrão e cebola

Podem ser usados tanto na alimentação, acompanhados de proteínas e gorduras, como na forma de smoothies, que garantem mais concentração a assimilação aos nutrientes e das fibras.

Falo sobre tudo isso no meu livro Mude sua Vida com Supernutrientes.

10) Suplemente corretamente vitaminas e minerais

Com certeza, a base de uma boa nutrição é uma alimentação com produtos frescos orgânicos e de animais criados a pasto.

Porém, nos dias atuais com tantas adversidades, a suplementação nutricional se faz necessária.

Além dos clássicos antioxidantes, como a vitamina C e vitamina E, entendo que a vitamina D3 deve sempre ser usada e bem monitorada. Não esqueça que, neste caso, você precisará de vitamina K2, cálcio e magnésio, para garantir o efeito saudável.

11) Preserve o equilíbrio da ecologia intestinal

Com a alimentação moderna, o excesso de estresse, alimentos refinados e açúcares, alimentos transgênicos, antibióticos, água clorada, isoladamente ou associados, comprometem a sua ecologia intestinal. Eles causam má assimilação, queda imunológica e redução de produção da serotonina, criando uma situação de predisposição de doenças.

Para evitar isso, use alimentos fermentados e suplementos probióticos de qualidade. Para saber mais sobre a ecologia intestinal, veja este artigo.

12) Vinagre de maçã não filtrado

Com a avalanche de estresse que estamos vivendo, o uso de vinagre de maçã antes das refeições é um grande aliado, agindo basicamente em 3 frentes:

  • com acidificação do corpo causada pelo estresse, o vinagre promove essa correção
  • o pH digestivo fica inadequado, promovendo má assimilação e desconforto. Com o vinagre, se corrige também essa alteração.
  • cerca de 50% das pessoas acima de 40 anos tem insuficiência de função mitocondrial, o que predispõe doenças.

Com a suplementação do vinagre de maçã, promove-se um reset e regeneração mitocondrial gerando mais energia e proteção celular.

Clique aqui para baixar gratuitamente meu E-book Vinagre de Maçã: O Líquido Dourado.

Desejo a você e seus1 queridos um Ano Novo Saudável e Feliz!

Continuo comprometido em ajudá-lo no controle da sua saúde e, juntos, espero que possamos informar milhares de pessoas para que elas façam boas escolhas de saúde, para dias melhores.

Meus sinceros agradecimentos! Nós da família drrondo.com desejamos a vocês um 2018 com o mais alto nível de saúde e felicidade!

< Artigo AnteriorPróximo Artigo >
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER
close-link

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER
close-link