Prevenção

Teste sem Agulhas para Saber como anda sua Saúde Intestinal

Vamos encarar. Do momento em que você marca uma consulta e se dirige para o consultório de seus médicos, você já está se sentindo doente. Na sequência, o seu médico vai lhe pedir uma bateria enorme de exames, aí você vai esperar dias para ter os resultados.

Imagine como seria mais simples a vida se você pudesse saber essas alterações de saúde precocemente, antes delas se tornarem sérias, diretamente do conforto da sua casa.

Agora, veja esse teste que pode determinar condições subclínicas da função intestinal: se ela por acaso encontra-se abaixo do desejável, explicando todo aquele cansaço, exaustão, toxemia, dificuldade em perder peso, constipação e desconforto abdominal.

Estes podem ser sinais de trânsito intestinal inadequado. Se você não sabe mais o que fazer, confira abaixo!

Teste da Saúde Intestinal

O tempo que demanda a passagem dos alimentos pelo seu sistema até serem eliminados é chamado de “tempo de trânsito”, e é um bom indicador de saúde intestinal. Você pode medi-lo facilmente com o Exame de Tempo de Trânsito.

Quanto mais rápido o tempo de trânsito, menor a probabilidade de você desenvolver cânceres do trato digestivo, hemorroidas, varizes e uma quantidade de outras condições. Quando o seu tempo de trânsito é menor – digamos, até 5 a 6 vezes mais vagaroso – as toxinas perduram mais no seu trato digestivo e podem causar danos mais rapidamente.

Meça o seu próprio tempo de trânsito tomando de 1,5 a 3g de comprimidos de carvão ativado. Você pode adquiri-los em qualquer farmácia ou loja de artigos de saúde, e você deve tomá-los com um copo grande de água, de preferência logo após uma evacuação.

Ao evacuar novamente, preste atenção na aparência das fezes e fique atento para a aparição dos comprimidos pretos e quebradiços. O seu tempo de trânsito idealmente deve ser no âmbito de 12 a 18 horas – da hora de engolir algo (no caso do exame, o carvão) até você eliminá-lo.

Se levar mais que 18 horas para o carvão sair, adicione um pouco de fibras na sua dieta e teste novamente. Se o seu tempo de trânsito não for reduzido por uma dieta alta em fibras, consulte o seu médico. Uma dica simples que pode indicar muito sobre a sua saúde!

Referências bibliográficas:

  • Gastroenterology 2013;144(1):218
  • Digestive Diseases and Science, 1990;35(10):1271
  • American Society of Colon and Rectal Surgeons: Anal Fissure
  • Mayo Clinic Constipation, Symptoms and Causes
  • Medicine Net, Risk Factors for Constipation
Previous ArticleNext Article
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER