Sua ceia de Natal pode ser ainda mais feliz e saudável!

O Natal está chegando! Poucos dias nos separam de uma das comemorações mais aguardadas do ano. E esse é o momento onde a família, as festividades e a maioria dos alimentos tornam-se o centro de nossas vidas. Durante esse período deixamos de lado o que normalmente fazemos atenção em relação à nossa dieta e acabamos abusando na alimentação.O peru é, com certeza, o exemplo de alimento de Natal e também dos dias subsequentes. Então, caso esteja comprando essa carne em um supermercado procure aquela de animais criados naturalmente, pois quando criados em granjas eles podem gerar contaminações, comprometendo a saúde.

Vegetarianismo na berlinda

Razões éticas não constroem corpos saudáveis, muito menos um planeta dos sonhos.Muitos vegans e vegetarianos adotam a dieta por acreditarem ser uma forma de alimentação moralmente superior, mais saudável para eles e para o planeta. Grande engano. O argumento mais comum é a defesa da vida animal, mas não tem sentido. Até para se consumir um hambúrguer de soja paga-se com a vida de certos animais – sem matar as pragas não há hambúrguer! O fator saúde também não corresponde à verdade, pois 75% dos que eliminam a carne de suas vidas desistem da dieta após 9 ou 10 anos por declínio da saúde!

Carne vermelha, o grande segredo dos campeões

O grande segredo dos campeões!Nos últimos 25 anos, milhões de pessoas, inclusive atletas de resistência, foram levados a acreditar que a alimentação ideal deveria ser à base de carboidratos, com pouca gordura e relativamente pouca proteína. Algumas se tornaram vegetarianas, outras passaram a buscar proteínas em alimentos com pouca gordura como clara de ovo, frango, peito de peru e peixes magros. Carne vermelha, jamais! Atletas, em especial, provavelmente se convenceram que consumir um bife era mais perigoso do que usar anabolizante.

Sarcopenia

A sarcopenia pode ser controlada com exercícios e suplementação protéica.Fala-se muito em osteoporose, mas pouco em sarcopenia. De certa forma, são problemas parecidos. Enquanto a osteoporose se caracteriza pela perda óssea, a sarcopenia se refere à perda de musculatura. Em outras palavras: a osteoporose é para os ossos o que a sarcopenia é para os músculos. Ambas se manifestam em pessoas de mais idade e têm alguns pontos de origem em comum.

Proteína: o que se recomenda animal ou vegetal

Sabendo usar não vai faltarA atividade física é quase uma rotina na vida da maioria das pessoas que se preocupam com a saúde. Mas nem sempre elas sabem que precisam de suplementação protéica para obter melhores resultados. Aos atletas, especialmente os que pegam pesado, aconselha-se consumir cerca de 100 % a mais de proteínas que aos sedentários. E quem desempenha atividades físicas moderadas deve aumentar o consumo em 50 a 75 %. A explicação é simples: na falta de outras reservas de energia, como os carboidratos, o organismo queima a proteína como combustível energético. Se não houver uma reserva a mais, a proteína que deveria ser usada para sintetizar tecidos e estruturas orgânicas é simplesmente queimada, comprometendo a saúde.

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER