Veja as novas evidências sobre doença cardíaca provocada por erros nutricionais

Todos os dias dezenas de artigos são publicados confirmando um enorme erro sobre as orientações nutricionais no processo de prevenção da doença cardíaca. Mais recentemente três estudos foram publicados em jornais médicos de grande prestígio reforçando a ilusão do mito das gorduras.Há pelo menos 40 anos temos acompanhado a insistente pregação sobre a substituição da gordura saturada por carboidratos e gordura poliinsaturada ômega 6 com o objetivo de melhorar o perfil metabólico e diminuir o risco cardiovascular.

Não obstrua as suas artérias. Cuide da sua higiene bucal!

Saiba como a má higiene bucal aumenta o seu risco cardíacoSe os olhos são as janelas para a sua alma, a boca é a janela para o seu coração.  E se a sua própria boca parece e cheira como se algo tivesse entrado e morrido nela, então você talvez queira ter o seu cardiologista em discagem rápida no seu telefone celular.  E aproveitando, já que você está com o telefone na mão, considere ligar para o dentista também.

Corrida de longa distância danifica o seu coração

Você se orgulha por correr quilômetros e mais quilômetros todas as semanas? Você ama o desafio e a adrenalina de completar uma maratona? Se todas as respostas foram sim, fique atento!Como corredor eu entendo o impulso que leva muitos atletas e guerreiros de fim de semana a competir nestes eventos vigorosos.  Mas, agora que eu tenho examinado as pesquisas mais recentes, eu acredito firmemente que fazer isso pode colocar o seu coração em risco.  Por exemplo, dois estudos recentes demonstraram:

Por que será que as pessoas morrem ao correr maratonas?

Completar uma maratona! Eis o sonho de consumo de homens e mulheres nas mais variadas faixas etárias. E essa realização tem uma explicação. Chegar inteiro ao final de uma corrida de alta intensidade significa estar no ápice da saúde e da boa forma.Mas, se alcançar esse objetivo representa estar com a saúde em dia, o que justifica o relato de pessoas caindo mortas todos os anos antes de cruzar a linha de chegada?

Óleo de coco: a proteção antioxidante ideal para o seu organismo

Doença cardíaca, câncer, hipertensão, rugas, manchas de envelhecimento, artrite, cataratas e memória diminuída. Você saberia me dizer o que todas essas condições têm em comum?Certamente dirá que elas acontecem devido ao envelhecimento. Mas, sinto em te dizer que essa não é a causa. O que está ocorrendo é uma geração aumentada de radicais livres, o que acaba causando essas doenças degenerativas.

Estudos comprovam a eficácia da Terapia de Quelação para pacientes cardíacos

Se há algo que realmente me preocupa e que tenho controlado constantemente é o risco de metais pesados nas minhas artérias, ossos e órgãos. Para isso, procuro me afastar de alimentos processados ou reservatórios de água, e mais comumente exposição dentro dos ambientes que nos expõe a metais tóxicos diariamente, como o chumbo e o arsênico. Em contato conosco, esses metais pesados podem causar sérios danos ao nosso corpo, cérebro e outras partes vitais.Do alto da minha experiência pude comprovar que mais de 50% das pessoas com pressão arterial apresentam um excesso desses metais pesados em seu organismo e com isso, podem simular, ou até mesmo gerar, qualquer tipo de doença. Portanto, para aliviar os sintomas ou resolver o problema de vez é necessário eliminar esses metais.

Colesterol e Estatinas: uma combinação que mexe com o seu coração

Cada vez mais os médicos têm prescrito estatinas com o objetivo de tratar doença cardíaca pela diminuição do colesterol. Mas, se o colesterol elevado realmente era o grande vilão, como explicar o fato de que o número de pessoas com doença cardíaca não tem diminuído com esse tipo de tratamento?O que a realidade nos mostra é outra história. Dados revelam que nos Estados Unidos a doença cardíaca é ainda a que mais mata. No Brasil, cerca de 1/3 de todas as mortes também são causadas por doença cardíaca o que gera uma média de mais 650.000 mortes por ano.

Carne vermelha não eleva colesterol nem causa doenças cardíacas!

O perigo está em carboidratos e alimentos refinados.Você já sabe que diminuir o consumo de carboidratos faz bem. Vive-se mais e melhor. E talvez ainda não saiba que aumentar o consumo de carne vermelha reduz de forma expressiva a ocorrência de problemas cardíacos. Então, que tal combinar menos carboidratos e mais proteína na alimentação? Você só tem a ganhar. Anote aí, de uma vez por todas: proteína animal não aumenta risco de doença cardíaca. Ao contrário: diminui.

Custo que vale a pena pagar

Uma boa alimentação sempre irá pesar menos no seu bolso do que eventuais tratamentos médicos por descuidos com a saúde.Veja algumas vantagens de ter à mesa produtos de animais criados a céu aberto que se alimentam de maneira natural, longe de confinamentos em galpões apertados, muitas vezes mal iluminados, e de rações empobrecidas ou mal balanceadas.

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER