Especiais

Conheça o segredo que vai manter sua jovialidade para sempre!

Talvez você não tenha se dado conta, mas a juventude é desperdiçada enquanto ainda somos jovens.

Meus caros, venho aqui dizer aos senhores que Ponce de León estava errado! Sim, é exatamente isso o que acabaram de ler. Ao contrário do que ele afirma a Fonte da Juventude Eterna não está na Flórida. Ela está escondida dentro de uma fábrica de hormônios que você conhece bem: o seu corpo. Pode acreditar!

Só que, infelizmente, quando você era adolescente a sua fábrica de hormônios jorrava mais testosterona do que você tinha capacidade de saber como utilizar. Triste, não? Mas, chega de chorar o leite derramado, isso já passou. Vamos olhar para frente e entender o que se passar de agora em diante.

O que acontece hoje é que a sua produção de hormônios já não é tão fiel, assim. Ela diminuiu para um pequeno filete e o resultado disso é um tanto óbvio. Aquela barriguinha saliente, um baixo ímpeto sexual, perda de força e saúde pobre, são apenas alguns dos sinais.

A maioria das pessoas, incluindo o seu médico, dirá que você simplesmente está envelhecendo, mas estes supostos sinais de envelhecimento têm menor relação com o calendário e mais com o tal filete de testosterona.

Agora, se você já é meu leitor há algum tempo, sabe que eu tenho apoiado a suplementação de testosterona para homens e até para algumas mulheres não é de hoje. Mas, se você tem ainda alguma dúvida sobre isso, simplesmente cheque com os 115 europeus de mais idade que podem agora confirmar tudo que eu já disse e mais um pouco.

Estes homens começaram em um estudo de cinco anos muito infelizes e gordos. Aliás, eles eram realmente obesos no sentido clínico objetivo.

Para se ter uma ideia, o IMC médio desses homens era 34. Então, considerando que a obesidade começa com um IMC de 30, e os severamente obesos estão com 35 de índice, este não era apenas um grupo de homens gordos, isso ia muito além. Era um grupo de caras MUITO, mas MUITO, gordos.

Vamos aos fatos. Com cinco anos de injeções de testosterona a cada três meses esses homens foram capazes de virar a mesa. Eles perderam em média 16 quilos, encolhendo o Índice de Massa Corpórea para 29 (considerado apenas como “acima do peso”) e eliminaram dez centímetros de cintura.

E as vantagens não pararam por aí. Eles também melhoraram seus níveis de açúcar no sangue passando de 103 mg/dL para 94 mg/dL. Mas fica aqui um alerta: como a “zona de perigo” para o açúcar sanguíneo é de 90 mg/dL para cima, esses homens ainda têm um trabalho a fazer, mas a terapia da testosterona já os trouxe para maior parte do caminho.

A propósito é bom ressaltar uma coisa. Existe um mito que diz que a suplementação de testosterona aumenta o risco de câncer de próstata. Por favor, desconsidere. Isso não é verdade e o estudo confirma isso.

Após cinco anos de tratamento, os homens mencionados acima não mostraram nenhum – absolutamente nenhum – risco maior para a doença.

Em outras palavras, a terapia com testosterona é risco zero. Ela só tem benefícios a te oferecer, pois junto com a perda de peso, você também ganha controle sobre o seu grau de glicose (como se só isso já não bastasse) e sobre o nível correto de testosterona, assim como também ficará mais vibrante, forte e se sentindo mais jovem agora do que você se sentiu há anos atrás.

E não vamos nos esquecer de “outro” beneficio muito importante; aquele que você quer mais que todo o resto: a testosterona vai te fazer um super astro na cama!

Imagine toda a força, habilidade e resistência de um homem jovem combinado com todos os seus anos de experiência. Nada mal, hein?! Isso ajuda muito para agradar uma mulher!

Que esse é um benefício enorme não há dúvidas, mas não é somente isso. A testosterona também pode ajudar a prever, amenizar e até curar dezenas de condições, incluindo:

Diabetes: A testosterona desempenha um papel decisivo na regulagem da insulina (apenas dê uma olhada naqueles números de glicose sanguínea no novo estudo).  Quanto mais baixo é o seu nível de “T”, mais provável será você se deparar com a resistência à insulina e a diabete. E se você já tiver a doença, não é tarde demais: um estudo recente mostrou que o gel de testosterona melhorou a sensibilidade à insulina em diabéticos (e sim, aqueles mesmos homens tiveram melhora nas vidas sexuais também).

Fraqueza: Existem milhões de pessoas que ainda presumem que a idade é o que mina as suas forças. Isso também não é verdade! O que acontece é que uma falta de testosterona fará isto num piscar de olhos. Um estudo de 2010, que avaliou 3.600 homens de mais idade, descobriu que a força some com o nível de testosterona e homens com o menor nível são os mais prováveis a se tornarem fracos. Ou seja, a baixa testosterona vai te transformar no estereótipo vivo do velho franzino. E não me venha dizer que é isso o que você quer.

Ataque cardíaco e derrame: A testosterona pode transformar o seu coração em uma fortaleza e cortar o seu risco de derrame ao mesmo tempo.  Um estudo recente descobriu que os homens mais velhos com o maior nível de testosterona tinham o menor risco tanto de ataque cardíaco, quanto de derrame.  Os homens com a mais baixa testosterona, por outro lado, era um terço mais provável a sofrer ataque cardíaco e 50% mais prováveis de ter um derrame.

Depressão:  Se todos estes outros benefícios não são suficientes para te acordar para a importância da testosterona, saiba que este hormônio também pode aumentar a sua saúde mental.  Um estudo de 2006 descobriu que os homens com mais de 55 anos e com deficiências de testosterona tinham o triplo de risco de depressão quando comparados aos que apresentavam níveis normais.

Claro, você também ficaria deprimido se você fosse obeso, fraco e ineficiente na cama. Então, talvez isto seja mais um “efeito colateral” do que uma causa direta.

Minhas amigas leitoras devem estar se perguntando por que essa pesquisa só fala de homens. E eu explico! A testosterona é um hormônio da “hombridade” e as mulheres precisam bem menos dele. Entendido? Mas nesse sentido, há algumas coisas que precisamos considerar. Vejamos:

A testosterona é absolutamente crítica para o fluxo sanguíneo e quando as mulheres ficam com baixa deste hormônio, elas têm maior risco de ataques cardíacos e derrames.  O hormônio de “hombridade” também ajuda as mulheres a evitar duas condições muito fêmeas, a osteoporose e o câncer de mama.

Eis o negócio: tanto os homens como as mulheres devem checar seus níveis de testosterona.  Para os homens ela deve estar entre 500 e 1.000 nanogramas por cc e nas mulheres precisa mais ou menos de um décimo dessa quantidade, chegando a 50 e 100 nanogramas por cc. E damas, por gentileza, não procurem ir além deste valor, a menos que queiram ter um belo bigode.

Junto com a idade, as drogas químicas também podem consumir a testosterona do corpo, especialmente as estatinas que abaixam o colesterol. Um estudo descobriu que os homens que tomam as estatinas têm duas vezes mais risco de terem baixa testosterona.

Isso explicaria todos os efeitos colaterais sexuais ligados àquelas drogas (drogas que na realidade você nem precisa. Melhor parar por aqui e não começar falar delas outra vez).

Fica aqui um aviso fundamental. Se quer de verdade conquistar a juventude, diagnosticar a baixa testosterona é só metade da batalha; corrigi-la é a outra parte e depende também de você!

[divider]

Referências bibliográficas:

 –       Journal of Clinical Endocrinology and Metabolism 24 September 2013

–       Medical News Today September 29, 2013

–       Medical News Today September 29, 2013

–       New York Times September 11, 2013

–       New England Journal of Medicine September 12, 2013; 369:1011-1022

–       JAMA Internal Medicine 2013;():1-2

–       The New York Times June 3, 2013

–       WebMD.com June 3, 2013

–       JAMA Internal Medicine 2013;():1-4

Previous ArticleNext Article
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER