Especiais

Medicina Ortomolecular

Artigo postado na Revista Natural ED.04 em JAN.2012

A Medicina Ortomolecular, ou a Medicina Preventiva Ortomolecular, se propõe a dar às células exatamente o que elas precisam, por meio de uma alimentação adequada e do uso de suplementos alimentares, quando necessários. Esses suplementos são basicamente, vitaminas, sais minerais, aminoácidos, enzimas e hormônios. Seu papel é fundamental para que as células do corpo se mantenham saudáveis e desempenham bem suas funções.

Se você pensar que o corpo humano possui cerca de 60 trilhões de células e que cada uma delas precisa estar adequadamente nutrida para fazer  o seu trabalho, perceberá o quanto a Medicina Ortomolecular é importante na prevenção e no tratamento dos problemas de saúde e na manutenção do equilíbrio conquistado.

Um organismo mal nutrido reage com dificuldade às agressões cada vez mais fortes da vida moderna. E torna-se alvo fácil de doenças e de envelhecimento precoce. Os principais vilões que nos empurram para situações de estresse físico e mental são a competição a que estamos sujeitos, a poluição ambiental, a exposição a campos eletromagnéticos, o excessivo consumo de doces, gorduras saturadas, alimentos refinados, industrializados e com substâncias tóxicas como corantes, conservantes, e ainda hormônios e antibióticos, que costumam estar presentes em alguns produtos.

Seu corpo precisa estar preparado para enfrentar essas situações, o que exige uma demanda maior de nutrientes. E a alimentação, por si só, nem sempre consegue dar conta do recado. É aí que a Medicina Ortomolecular  mostra sua eficiência, porque dá às células o que elas precisam para reequilibrar o organismo.

A medicina ortomolecular  muitas vezes é utilizada com o objetivo de emagrecer, pois, com a correção dos nutrientes e a melhora da saúde, ocorre uma recuperação da  capacidade de queima dos alimentos, causada pela normalização da função da mitocôndria (normalmente em desnutrição há uma oxi-desregulação dessa estrutura celular) e pela saciedade que é satisfeita com mais facilidade, pois os órgãos estarão mais abastecidos  nutricionalmente. Outro fator  que também melhora é a ansiedade e uma melhor adaptação ao estresse, causando uma diminuição do hormônio cortisol, que quando elevado gera ganho de peso.

A medicina ortomolecular pode ser aplicada em diferentes fases da vida, tratamos desde casais que estão programando terem filhos, passando por gestantes, crianças, adolescentes, adultos e idosos. Tratamos a dinâmica  molecular e células e para isso não tem idade.

O tratamento pode ser descontinuado, mas os resultados obtidos serão progressivamente perdidos. Em determinadas situações, os problemas poderão voltar, especialmente quando não for realizado o tratamento completo.

Previous ArticleNext Article
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER