Alimentação

Estes Ingredientes Perigosos podem estar Escondidos no seu Sushi!

Sempre que se pensa em comer fora e algo saudável, vem à cabeça o sushi… E se você deseja uma refeição rápida, lembra dos sushis de praça de alimentação, que estão prontos para consumo.

Se você optar pelos sushis fritos, certamente já tem ciência que nem todo componente do menu do seu restaurante favorito é realmente saudável.

Mesmo os amantes de sushi mais conscientes podem ser surpreendidos pela presença de ingredientes potencialmente perigosos nas suas escolhas aparentemente super saudáveis.

Ingredientes ocultos no seu sushi

Segundo uma avaliação do NaturallySavvy, pode-se ver como estamos sujeitos a ingredientes suspeitos nesse tipo de alimentação. Confira:

1. Alga marinha

A alga marinha é uma excelente fonte de iodo, vitaminas e minerais, desde que provenha de águas limpas e não poluídas. Mas a salada de algas vendida em muitos restaurantes de sushi vem pré-fabricada a granel de empresas de distribuição e pode conter:

  • Xarope de milho rico em frutose
  • Óleo vegetal
  • Proteína hidrolisada (que contém glutamato monossódico ou MSG)
  • Corante artificial, como amarelo e azul
  • Ingredientes transgênicos

A dica de segurança para saber se a sua salada de sushi contém alguns destes ingredientes é uma coloração verde brilhante artificial. Nestes casos, ela não é indicada.

2. Gengibre

O Gengibre é fantástico em termos de benefícios para a saúde, mas esse produto em conserva, como é usado em alguns lugares, pode conter aditivos como:

  • Glutamato monossódico
  • Aspartame
  • Sorbato de potássio (um conservante)
  • Corante artificial vermelho. Se o gengibre parecer rosado, evite. Ele pode conter esse tipo de corante, que está ligado à hiperatividade em crianças.

3. Wasabi

Normalmente, o wasabi que você ingere é um composto de raiz forte, mostarda chinesa em pó e corante verde, o que não passa de uma imitação do wasabi verdadeiro, que é muito difícil de se encontrar. Para se ter uma ideia, só 5% dos restaurantes no Japão utilizam esse produto original

Quando se usa essa pasta com corante, certamente ela apresenta sabores e cores artificiais, além do risco de componentes transgênicos. Uma boa alternativa ao wasabi verdadeiro é um composto com raiz forte, espirulina e açafrão.

4. Sementes de gergelim

Até as sementes de gergelim podem conter ingredientes escondidos! Felizmente, a maioria dos restaurantes de sushi usam sementes de gergelim torradas em seus pratos. Porém, existem algumas sementes saborizadas, que no caso podem conter corantes e adoçantes artificiais como sucralose

5. Molho de Soja

O molho de soja servido ao lado de seu sushi provavelmente também contém aditivos que é melhor evitar, como:

  • Proteína de soja hidrolisada (MSG)
  • Ingredientes GM (soja e milho)
  • Xarope de milho
  • Sorbato de potássio (conservante)
  • Cor do caramelo (alguns tipos dos quais podem formar subprodutos potencialmente cancerígenos).

6. Arroz

O arroz usado nos sushis com sabor mais adocicado também pode conter ingredientes ocultos. Uma pesquisa revelou que ele pode conter:

  • Xarope de milho rico em frutose
  • Aspartame

7. Imitação de Carne de Caranguejo

A carne de caranguejo de imitação também pode conter aditivos incluindo:

  • Glutamato monossódico
  • Sabor artificial

8. Ovas de Peixe (Caviar Temperado)

As ovas de peixe de cor alaranjada, frequentemente servidos com pratos de sushi, também podem conter aditivos como:

  • Glutamato monossódico
  • Xarope de milho rico em frutose
  • Cor artificial amarela

Peixes selvagens x Peixe de cativeiro

Tenha consciência que há uma grande diferença entre peixes de criação e peixes selvagens. As pisciculturas nada mais são do que as versões aquáticas de confinamento de animais, como ocorre com o frango, porco e gado (apesar de no Brasil 80% da carne ser de animais a pasto).

O confinamento traz uma redução da concentração do ômega 3 (anti-inflamatório) com o aumento do ômega 6 (pró inflamatório), pelo uso de rações transgênicas de milho e soja.

Você ainda pode desfrutar do sushi que você ama?

Se você gosta de sushi, e quer desfrutar sem acrescentar riscos desnecessários para a saúde, procure consumir peixes selvagens, de águas profundas, assim evitando maior risco de contaminação de metais tóxicos, como o mercúrio.

Dê preferencia ao salmão selvagem.

Vamos para a realidade, e aí fica uma dica que certamente vai lhe tirar o peso da consciência:

Sempre que consumir peixe, lembre-se de tomar comprimidos de clorela, que é um quelante potente do mercúrio, evitando a sua absorção.

Procure sempre por um restaurante de qualidade superior, consumindo peixes de melhor origem e evitando assim sucumbir à armadilha de alimentos processados.

Bom apetite!

Referências bibliograficas:

  • Annals of Internal Medicine 2 April 2013;158(7):515-525
  • Medical News Today April 2, 2013
  • NaturallySavvy.com September 19, 2013
  • Oceana February 21, 2013
  • Biology Letters April 21, 2010
  • Nutrition Week, January 19, 2004;34(2):7
  • British Journal of Nutrition, 1997;78
  • Am J Clin Nutr, 2011 Aug 17
Previous ArticleNext Article
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER