Especiais

Como escolher o protetor solar ideal

Ao comprar um protetor solar você se considera, realmente, certo do que está escolhendo? Tem ideia do que é melhor? Sinto desapontá-lo, mas talvez você esteja enganado! E, ao invés de estar se protegendo do sol está colocando sua saúde em risco.

Para te ajudar na escolha, apresento algumas considerações desenvolvidas pelo Environmental Working Group (EWG) sobre o que evitar no momento de comprar seu protetor solar. Tome nota!

1)    Evite produtos que contenham oxybenzeno, pois a substância penetra na pele potencializando reações alérgicas e que podem causar alterações endócrinas e lesões celulares. Não utilize esses produtos em crianças! Elas não possuem o sistema de eliminação bem desenvolvido e têm uma grande superfície de área pelo peso, em comparação aos adultos.

2)    Cuidado com a vitamina A. Acredita-se que ela seja um antioxidante capaz de reduzir o envelhecimento da pele. Mas, quando utilizada em protetores solares a vitamina A acelera a velocidade de lesão e formação de tumor na pele. Ainda sim, a indústria cosmética não retira esse ingrediente de suas composições. Procure sempre conhecer a composição do produto que você pretende adquirir.

3)    Existe dois tipos de raios ultravioletas (UV) provenientes de luz solar: o raio UVB, produtor da vitamina D, e o raio UVA responsável pelo aparecimento de lesão da pele. Ambos provocam bronzeamento e queimação. No caso do raio UVB isso ocorre mais rapidamente, mas o UVA penetra na sua pele mais profundamente provocando o fotoenvelhecimento, aparecimento de rugas e câncer de pele. Uma análise do EWG mostrou que 60% dos produtos possuem quantidades inadequadas de proteção contra os raios UVA.

4)    Não se deixe enganar por protetores com alto SPF! Eles dão a você a falsa sensação de que está altamente protegido e acaba o encorajando a ficar mais tempo exposto ao sol. O correto é que você, mesmo utilizando esses protetores, fique exposto aos raios UV pelo mesmo período que ficaria se estivesse utilizando um produto com baixo SPF.

5)    Evite também os protetores em spray. Eles liberam partículas tóxicas no ar, tornando fácil de serem inaladas e acabam também agredindo o meio ambiente.

Seguindo essas sugestões você irá garantir um verão muito mais saudável e tranqüilo!

Previous ArticleNext Article
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER