Saúde

Colesterol baixo NÃO diminui risco de doença cardiovascular!

Se o colesterol baixo fosse tão importante, nós estaríamos reduzindo a doença cardiovascular, certo?Nunca se tomou tanta estatina como atualmente, e aonde está a redução de doença?

Mas, ao invés disso, estamos mais gordos, mais doentes e mais fracos do que nunca – e isso significa que os novos números são na verdade apenas mais uma prova de que eu estava certo sobre isto o tempo todo:

Quando se trata de risco para o coração, o seu nível de colesterol é tão relevante quanto o tamanho do seu pé.

De acordo com os últimos dados no Journal of the American Medical Association, o nível de colesterol total da população tem caído para níveis médios até 10 pontos mais baixos.
Esses níveis estão bem no meio daquilo que se considera “perto do ideal”, e se estamos perto do ideal, nós deveríamos ter as doenças cardíacas em xeque-mate, certo?

As doenças cardíacas eram as principais causas de morte quando o novo estudo começou lá atrás em 1988, na época em que o nível de colesterol era supostamente “alto”. Agora que ele está próximo do ideal, as doenças cardíacas continuam sendo as principais causas de morte atualmente.

Milhões de pessoas têm doenças cardíacas apesar dos números de colesterol “perfeitinhos”, e esse número só tende a subir. Então sugiro 4 medidas para proteger o seu coração:

  1. Jogue tudo que você acha que sabe sobre o colesterol pela janela. Esqueça as metas e esqueça a proporção de LDL para HDL – a única coisa que REALMENTE importa é o colesterol total e o triglicérides. Mantenha o seu colesterol entre 200 e 300, e o seu triglicérides abaixo de 100, assim você estará bem cuidado.
    Se o seu colesterol estiver abaixo disso, faça bastante atenção à próxima medida.
  2. Tire o pó da frigideira, acenda a churrasqueira e faça amizade com o açougueiro do bairro. Bacon, carne vermelha, bisteca de porco, peru, frango e ovos de galinha caipira, em especial a carne escura,agora voltaram para o cardápio de todas as refeições de acordo com as últimas diretrizes alimentares americanas. Você tem um pouco de adequação para fazer.
  3. Evite os carboidratos, especialmente açúcares, grãos e frutose. Esses produtos só aumentarão a sua gordura visceral, o que certamente piora toda a situação.
  4. Abuse de banha de porco (de porco criado a pasto), óleo de coco ou manteiga (de vaca criada à pasto) para cozinhar e esqueça os óleos vegetais hidrogenados ou parcialmente hidrogenados.
  5. Finalmente, pare de estressar-se sobre o seu nível de colesterol. Diferente do LDL, estresse demais realmente é um fator principal de risco para o seu coração.

É simples assim… pode apostar que sim!

Comece hoje e você vencerá as doenças cardíacas, evitará a diabete e viverá uma longa e saudável vida – e finalmente poderá contar com refeições deliciosas, em vez da Cozinha Magra.

Referências bibliográficas:

  • Journal of Nutrition. Nov 1990, 120:11S:1433-1436
  • International Journal of Cardiology. Mar 10, 2005;99(1):65-70
  • JAMA. 1996;276(11):875-881.
  • Am J Clin Nutr. May 1998 vol. 67 no. 5828-836
  • American Journal of Clinical Nutrition. January 13, 2010
  • Annals of Internal Medicine March 18, 2014: 160(6):398-406-406
  • TIME. February 11, 2015
Previous ArticleNext Article
Médico, Cirurgião Vascular especializado em medicina preventiva e alta performance. Possui vários artigos publicados em revistas médicas, além de 8 livros com temas relacionados à nutrição, medicina preventiva e esportiva. (CRM 47078)

1 Comment

  1. Eu adorei essa mensagem do Dr. Rondó, concordo com ele em gênero e número.
    Valeu doutor, o que nos mata é a busca pela perfeição.

Deixe uma resposta para Creuza M.Nascimento Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É grátis)!

QUERO RECEBER

Acabei de escrever uma nova Dica! Quer Receber?

Junte-se aos mais de 223 mil leitores inteligentes que recebem dicas exclusivas sobre Saúde, Alimentação e Bem-estar e conquiste uma super saúde (É gratis)!
QUERO RECEBER